A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 20 de Fevereiro de 2018

13/02/2018 13:47

'Impotência', resume comerciante que investiu em segurança e foi assaltada

Mercado no São Conrado foi assaltado duas vez e furtado uma no ano passado e mesmo com investimento de R$ 5 mil voltou a ser alvo de bandidos ontem a noite

Guilherme Henri e Liniker Ribeiro
Momento em que assaltantes mandam que funcionários abram as portas de mercado (Foto: Reprodução)Momento em que assaltantes mandam que funcionários abram as portas de mercado (Foto: Reprodução)

Um sistema de alarme, 11 câmeras e o total de R$ 5 mil investidos em segurança. Parecia suficiente, mas não impediu que um mercado no bairro São Conrado voltasse a ser assaltado ontem (12) a noite na Capital. E para dona do local, além do medo o que fica é o sentimento de impotência.

A ação dos dois bandidos foi filmada e o que mais gera revolta, segundo a empresária, Maria do Carmo Dantas, é que toda a violência foi para que os bandidos levassem uma caixinha de cerveja e a bolsa de uma funcionária.

“É um absurdo! Eu sinto medo. Você investe em segurança e parece que não adianta. Não sei mais o que fazer. Estou com problemas até para contratar pessoas, devido ao medo dos assaltos”, desabafa.

Ela conta que após dois assaltos e um furto no ano passado precisou reforçar a segurança do mercado, que já contava com algumas câmeras de segurança. “Acompanho o fechamento do mercado pelas câmeras e vi a movimentação. Na hora eu e meu marido chamamos a polícia”, detalha.

Na rápida ação, os bandidos armados abordaram a caixa do mercado e um açougueiro no momento que as portas do estabelecimento eram fechadas. Porém, como o dinheiro do dia já havia sido retirado, a dupla roubou cerveja, a bolsa da funcionária e fugiu a pé. “É frequente assaltos nesta região. E para ‘ajudar’ o poste de iluminação que fica aqui na frente está sem funcionar há dois meses. Já ligamos para prefeitura e nada”, lamenta.

"Por pouco" – No momento do assalto, um jovem de 25 anos passava pelo local com o filho de 9 meses no colo. O motorista Weder Garcia conta que a intenção era a de comprar um refrigerante no mercado quando percebeu a movimentação. “Eu me fiz de desentendido para seguir caminho. O assaltante que estava esperando o comparsa na calçada chegou a me ver, mas não fez nada e deixou eu ir embora”, detalha.

Vídeo – O Campo Grande News teve acesso aos vídeos do assalto. Toda a ação durou pouco mais de 3 minutos. A dupla chega a pé e encapuzada. As portas de vidro temperado já estavam fechadas. Os bandidos de aproximam. Eles estão de bermuda, chinelos e encapuzados com a touca das blusas de frio. 

Um deles tenta abrir a porta, mas percebe que está trancada. O bandido que está armado então visualiza os funcionários e apontando a arma na direção deles aparentemente diz algo e manda que eles abram a porta.

A entrada da dupla é franqueada pelo açougueiro. Apenas o que portava a arma entra enquanto o comparsa fica na calçada. O assaltante vai direto para o caixa do mercado, porém não encontra dinheiro algum. Aparentemente frustrado, ele começa a procurar qualquer valor em outras gavetas e bolsas próximas, mas também não encontra.

Simultaneamente, um homem com um bebê no colo se aproxima do mercado. Pelas imagens é possível ver que o ladrão que espera na calçada faz sinal para que ele siga seu caminho.

Neste momento, o assaltante que estava dentro do mercado pega a bolsa da funcionária e uma caixinha de cerveja do mercado. Os dois fogem correndo.

Estatística - Conforme a Sejusp (Secretária de Estado de Justiça e Segurança Pública), nos primeiros 13 dias de fevereiro, já foram registrados 175 roubos na Capital. Em relação ao mesmo período do ano passado, quando foram 278 casos, teve queda de 37%. O mês de fevereiro fechou com 553 crimes dessa natureza.

Veja o vídeo do momento do assalto:



Sofrido? desesperançoso? BOLSONARO NELES! Para acabar com a bandidagem no Brasil!
 
Barbarossa em 13/02/2018 16:22:17
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions