A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 15 de Outubro de 2018


07/06/2018 09:25

A uma semana para o início da Copa, Fifa declara Rússia 100% pronta

Gianni Infantino, presidente da Fifa, disse que o mundo vai ver a Rússia como um país diferente, um país festivo que quer celebrar, que quer ser aberto

Paulo Nonato de Souza
O presidente da Fifa, o italiano Gianni Infantino, disse que está ansioso para ver a bola rolar na Copa do Mundo da Rússia (Foto: Fifa/Divulgação)O presidente da Fifa, o italiano Gianni Infantino, disse que está ansioso para ver a bola rolar na Copa do Mundo da Rússia (Foto: Fifa/Divulgação)

A uma semana para o jogo de abertura da Copa do Mundo de 2018, o presidente da Fifa, o italiano Gianni Infantino, disse nesta quinta-feira, 07, que a Rússia está 100 por cento pronta e o mundo inteiro vai testemunhar o quão acolhedor é o país e como a organização vai funcionar.

“Será uma grande experiência para todos”, declarou o dirigente. Segundo ele, a
Copa do Mundo tem uma capacidade única de mudar a percepção das pessoas sobre um lugar, sobre um país. “As pessoas verão a Rússia como um país diferente, como um país que está recebendo o mundo, como um país festivo, que quer celebrar, que quer ser aberto”, ressaltou.

O jogo inaugural da Copa do Mundo de 2018 será disputado na próxima quinta-feira, 14, entre os anfitriões, a Rússia, diante da Arábia Saudita, às 11h (horário de Mato Grosso do Sul), no Estádio Luzhniki, em Moscou.

"Estou muito ansioso para ver os jogos, ver a bola rolar, ver os fãs comemorando, ver o espetáculo", disse Gianni Infantino. Na entrevista para a TV Fifa, o dirigente preferiu falar sobre a 21ª edição do Mundial como fã do futebol.

O presidente da FIFA falou ao se sentar com o FIFA.com para falar sobre suas expectativas em relação à Rússia como país anfitrião, a jornada até o momento e os aspectos da competição que ele mais espera como fã.

"O que é legal na Copa do Mundo é que sempre há surpresas. É claro que no final você talvez tenha as seleções habituais, mas talvez haja uma surpresa também, ou alguns jogadores que nunca vimos. Estou particularmente ansioso para ver as equipes que se classificaram pela primeira vez”, afirmou ele, referindo-se às seleções da Islândia e Panamá, as estreantes na Copa do Mundo da Fifa.

A seleção da Islândia tem surpreendido o mundo do futebol desde a Eurocopa de 2016 e quer surpreender na Rússia (Foto: Divulgação)A seleção da Islândia tem surpreendido o mundo do futebol desde a Eurocopa de 2016 e quer surpreender na Rússia (Foto: Divulgação)

A Islândia foi uma surpresa nas Eliminatórias. Se classificou em primeiro lugar em uma chave que tinha Croácia, Turquia e Ucrânia, enquanto o Panamá deixou para trás os Estados Unidos, e se classificou na última rodada da Concacaf, graças a uma combinação improvável de resultados.

De acordo com site alemão Transfermarket, especializado em negociações e valores de mercado de times e seleções, o Panamá é a equipe mais 'barata' da Copa da Rússia, avaliada em US$ 12 milhões. A Seleção Brasileira, por exemplo, tem seu elenco de 23 jogadores avaliado em R$ 4 bilhões.

Já a Islândia deixou de ser “saco de pancadas para os rivais na Europa na edição de 2016 da Eurocopa. Em sua primeira participação no tradicional torneio europeu, o país de 350 mil habitantes chegou às quartas de final e até eliminou a Inglaterra com vitória por 2 a 1.

A seleção do Panamá é a mais barata entre as 32 seleções da Copa do Mundo da Rússia (Foto: Divulgação)A seleção do Panamá é a mais barata entre as 32 seleções da Copa do Mundo da Rússia (Foto: Divulgação)
imagem transparente

Classificados


Copyright © 2018 - Campo Grande News - Todos os direitos reservados.