A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 21 de Outubro de 2018


27/06/2018 15:48

Brasil põe a Sérvia na roda, faz 2 a 0 e vai encarar o México nas oitavas

Paulinho abriu o caminho para a vitória e Thiago Silva, de cabeça, fechou o placar da vitória brasileira em Moscou

De Moscou, Paulo Nonato de Souza
O zagueiro Thiago Silva escorou de cabeça cobrança de escanteio de Neymar e fez o segundo gol do Brasil na vitória diante da SérviaO zagueiro Thiago Silva escorou de cabeça cobrança de escanteio de Neymar e fez o segundo gol do Brasil na vitória diante da Sérvia

Com gols do volante Paulinho, aos 35 minutos do primeiro tempo, e do zagueiro Thiago Silva, aos 21 do segundo, o Brasil garantiu sua passagem para a fase de oitavas de final da Copa do Mundo de 2018 ao vencer a Sérvia por 2 a 0 na noite desta quarta-feira, 27, pelo horário russo, início de tarde em Mato Grosso do Sul.

O empate bastava para o Brasil garantir a vaga, mas fez mais do que isso. Venceu os sérvios, e com com o empate de 2 a 2 entre Suíça e Costa Rica, no outro jogo do Grupo E, o Brasil terminou a fase de grupos em primeiro lugar com sete pontos ganhos, seguido pelos suíços, cinco pontos, e nas oitavas de final vai encarar o México, o segundo do Grupo F, na próxima segunda-feira, às 10h (MS), na cidade de Samara.

O primeiro tempo no estádio do Spartak Moscou virou com vitória do Brasil por 1 a 0, gol marcado pelo volante Paulinho, aos 35 minutos, em jogada que nasceu dos pés de Coutinho, uma assistência perfeita para o ex-corintiano abrir o placar. Paulinho apareceu na área em velocidade, como um atacante, e deu um leve toque para encobrir o goleiro sérvio Stojkovic.

Antes do gol de Paulinho, a Seleção Brasileira teve grande chance com Gabriel Jesus. Cara a cara com o goleiro Sérvio, ele tentou bater no canto direito e a defesa fez o desvio para escanteio. Neymar deixou o ex-palmeirense na cara do gol. Gabriel entrou na área, chegou a fintar o zagueiro, mas finalizou mal e a bola foi travada e desviada para a linha de fundo.

O time da Sérvia manteve-se na defesa durante todo o primeiro tempo, com um verdadeiro paredão do meio campo para trás, dificultando as jogadas de ataque do time brasileiro. Logo aos 9 minutos, o Brasil ficou sem o lateral-esquerdo Marcelo, uma de suas opções ofensiva. Ele saiu por problema de lesão e deu lugar para Filipe Luís, e não conseguiu ficar nem no banco e foi conduzido para o vestiário pelo médico da Seleção Brasileira, Rodrigo Lasmar.

Com Marcelo já são seis jogadores que tiveram problemas médicos desde a apresentação. Os demais são Renato Augusto, Fred, Douglas Costa, Danilo e Marcelo. Fagner também passou por recuperação médica, mas já se apresentou lesionado.

O lateral-esquerdo Marcelo, uma das armas ofensivas do Brasil, foi substituído logo aos 6 minutos e não conseguiu nem acompanhar o jogo no banco de reservasO lateral-esquerdo Marcelo, uma das armas ofensivas do Brasil, foi substituído logo aos 6 minutos e não conseguiu nem acompanhar o jogo no banco de reservas

No segundo tempo, a Sérvia começou com mais posse de bola diante de um Brasil mais seguro na marcação. O time sérvio chegou com perigo aos 7 minutos em jogada de velocidade até a entrada da grande área, quando Ljajic vacilou na hora de finalizar e Casemiro fez o desarme.

Logo em seguida, outro momento de pressão e Alisson fez o desvio para a linha de fundo, e na saída da bola foi a vez do Brasil partir em velocidade em jogada que teve a participação de todo o quarteto ofensivo brasileiro, mas Neymar não conseguiu tirar a bola do alcance do goleiro sérvio.

A Sérvia teve uma sequência de várias oportunidades de gol entre os 15 e 20 minutos, obrigando o técnico Tite a reforçar o setor de meio de campo com a entrada de Fernandinho no lugar de Paulinho, o autor do primeiro gol que não estava mais conseguindo acompanhar as jogadas ofensivas dos sérvios, e aos 21 minutos, Neymar avançou pela ponta direita, entrou na área, bateu para gol e a bola para desviada para a linha de fundo. Ele mesmo cobrou o escanteio na medida para o zagueiro Thiago Silva, de cabeça, ampliar o placar para 2 a 0.

Depois disso, a Seleção Brasileira passeou em campo diante de uma Sérvia atordoada e sem poder de reação. Com a vitória o Brasil segue na Copa do Mundo, os sérvios voltam para casa.

Desta vez Coutinho não deixou a sua marca, e acabou substituído por Renato Augusto aos 34 minutos do segundo tempo. Ele havia feito gol antes no empate de 1 a 1 na estreia diante da Suíça e na vitória de 2 a 0 diante da Costa Rica.

DADOS DO JOGO:

Local: Spartak Stadium (Moscou)
Gols: Paulinho, aos 35 do primeiro tempo, e Thiago Silva, aos 21 do segundo.

BRASIL: Alisson; Fagner, Thiago Silva, Miranda e Marcelo (Filipe Luis); Casemiro, Paulinho e Coutinho (Renato Augusto); Willian, Neymar e Gabriel Jesus.

SÉRVIA: Stojkovic, Ivanovic, Rukavina, Veljkovic e Kolarov; Milinkovic, Milivojevic e Matic; Tadic, Mitrovic e Ljajic (Zvikovic).

Arbitragem: Alireza Faghani, auxiliado por Reza Sokhandan e Mohammadreza Mansouri, todos do Irã.



imagem transparente

Classificados


Copyright © 2018 - Campo Grande News - Todos os direitos reservados.