A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 18 de Outubro de 2018


15/06/2018 09:51

Com gol de zagueiro e Salah no banco, Uruguai vence Egito na estreia

A estrela egípcia, Muhamed Salah, acabou ficando no banco durante os 90 minutos, poupado para a sequência da Copa do Mundo

De Rostov on Don, sul da Rússia, Paulo Nonato de Souza
De cabeça, o zagueiro José Giménez fez o sol salvador na vitória do Uruguai diante do Egito (Foto: Reuters)De cabeça, o zagueiro José Giménez fez o sol salvador na vitória do Uruguai diante do Egito (Foto: Reuters)

Nem Luís Suarez, nem Cavani. Desta vez foi com gol do zagueiro José Gimenez, que fez de cabeça aos 44 minutos do segundo tempo, e a seleção do Uruguai derrotou o Egito por 1 a 0 na estreia das duas seleções na Copa do Mundo de 2018, na Rússia, nesta sexta-feira.

O Uruguai não correspondeu ao que dele era esperado. Jogou abaixo do que pode produzir, contra um Egito que teve no goleiro El Shenawy o seu principal jogador com várias defesas importantes. Mesmo assim a celeste uruguaia foi muito mais time em campo, comandada por sua dupla de atacantes formada por Luis Suárez e Cavani.

Do lado do Egito, o time sentiu muito a falta de sua estrela principal, o meia Muhamed Salah, do Liverpool, da Inglaterra. Havia expectativa de que ele iniciasse a partida, mas acabou ficando no banco, o que mostra que ainda não se sente à vontade depois da lesão sofrida no ombro durante a final da Liga dos Campeões diante do Real Madrid.

Salah foi bastante aplaudido em campo durante o aquecimento da seleção do Egito, mas acabou ficando no banco de reservas durante os 90 minutos da partida contra o Uruguai. Ele foi poupado pelo técnico Héctor Cúper para a sequência da Copa do Mundo.

Já Cavani e Suárez, como já era de se esperar, deram muito trabalho para a defesa do Egito. Suárez foi o principal nome do Uruguai. Ele se movimentou em campo todo, buscou o jogo e perdeu várias oportunidades de gol, algumas na pequena área.

Aos 42 minutos do segundo tempo, Cavani bateu escanteio e a bola foi na trave, assustando o goleiro do Egito. Na sequência, dois minutos depois, o zagueiro José Giménez fez o gol uruguaio. Sánchez cobrou falta na área, Giménez sobiu mais que a zaga egípcia e cabeceou firme para o fundo da rede. Foi uma vitória difícil, mas importante para o Uruguai.



imagem transparente

Classificados


Copyright © 2018 - Campo Grande News - Todos os direitos reservados.