A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 21 de Outubro de 2018


17/06/2018 15:56

Seleção apenas empata na estreia diante da Suíça e frustra a torcida

Próximo desafio agora será na próxima sexta-feira em São Petersburgo diante da Costa Rica

De Rostov on Don, no sul da Rússia, Paulo Nonato de Souza
O meia Coutinho fez o primeiro gol do Brasil na Copa do Mundo de 2018. Foi um golaço em um chute de fora da áreaO meia Coutinho fez o primeiro gol do Brasil na Copa do Mundo de 2018. Foi um golaço em um chute de fora da área

A Seleção Brasileira apenas empatou em 1 a 1 com a Suíça em sua estreia na Copa do Mundo de 2018, na Rússia, em jogo disputado na noite deste domingo, no horário russo, no Rostov Arena, na cidade de Rostov on Don. Coutinho abriu o placar aos 19 minutos do primeiro tempo e os suíços chegaram ao empate logo aos 4 minutos da etapa final.

Quem esperava o Brasil em cima da Suíça já a partir dos minutos iniciais viu o time brasileiro cauteloso diante de uma marcação alta do adversário. O primeiro chute a gol foi do time suíço. Logo aos 2 minutos de jogo, Dzemaili recebeu da direita e finalizou de primeira de dentro da área brasileira, mas a bola ganhou a linha de fundo à esquerda do goleiro Alisson.

Mas o Brasil respondeu logo aos 5 minutos em um chute de Willian, que em jogada de velocidade foi até a linha de fundo, bateu cruzado e a bola passou na frente do goleiro suíço. Não havia ninguém da Seleção Brasileira na área para o aproveitamento da jogada.

Aos poucos o Brasil começou a dominar a Suíça. Aos 10 minutos, Neymar recebeu a bola, balançou o corpo diante da marcação, tabelou com Coutinho e rola para o meio da área . Paulinho apenas fez o desvio e a bola saiu chorada no canto baixo do goleiro Sommer. Foi por muito pouco.

O gol do Brasil estava amadurecendo e aos 19 minutos, o lateral-esquerdo Marcelo tocou, a zaga cortou parcialmente, e a bola sobra para o camisa 11 do Brasil finalizar de fora da área, sem chance para o goleiro Sommer. Foi o 36º jogo de Coutinho com a camisa amarela depois da Copa do Mundo de 2014. Nesse ciclo, só Willian (46) e Miranda (41) jogaram mais do que ele pela Seleção.

A torcida brasileira em grande número ao Rostov Arena, a maioria concentrou atrás do gol à esquerda das cabines de imprensa (Foto: Paulo Nonato de Souza)A torcida brasileira em grande número ao Rostov Arena, a maioria concentrou atrás do gol à esquerda das cabines de imprensa (Foto: Paulo Nonato de Souza)

No segundo tempo, o Brasil deu mostras de que iria fazer pressão sobre a Suíça, mas foi surpreendido por um time suíço mais ousado em campo. Tanto que chegou ao gol de empate logo aos 4 minutos, marcado pelo grandalhão Steven Zuber.

Foi um gol polêmico. Zuber subiu de cabeça na pequena área, na sequência de um lance de bola parada, e a zaga brasileira reclamou de empurrão do jogador suíço. O zagueiro Miranda chegou a pedir a interferência do árbitro de vídeo, mas o árbitro mexicano César Ramos confirmou o gol de empate da Suíça.

O time brasileiro sentiu o gol de empate e passou a sofrer pressão dos suíços. Casemiro, com cartão amarelo, foi substituído por Fernandinho, porque o técnico Tite teve receio que ele levasse o segundo e fosse expulso, o que iria complicar ainda para o Brasil.

Logo em seguida, ele fez a segunda mexida na dupla de volantes. Saiu Paulinho e entrou Renato Augusto, que passou a jogar mais centralizado e a a revezar a marcação e as saídas do meio para o pataque com Coutinho, na esperança de confundir a defesa da Suíça, mas as mudanças não deram certo e o Brasil de campo com um empate frustrante.

O próximo jogo será no dia 22, sexta-feira da próxima semana, contra a Costa Rica, em São Petersburgo, às 8h (MS). Depois de empatar com a Suíço o jogo contra os costarrihenhos será decisivo para a classificação brasileira para as fase de oitavas de final.

Dados do jogo:

Local: Rostov Arena, na cidade de Rostov on Don

Gols: Coutinho, aos 19 minutos do primeiro tempo, e Zuber, aos 4 minutos do segundo.

Brasil – Alisson; Danilo, Thiago Silva, Miranda e Marcelo; Casemiro (Fernandinho), Paulinho (Renato Augusto), Coutinho, Willian e Neymar; Gabriel Jesus (Roberto Firmino).

Suíça – Sommer; Rodriguez, Akanji, Schaer e Lichsteiner; Xhaka e Hehrami; Zuber, Dzemaili e Shaqiri; Seferovic.

Arbitragem – César Ramos, auxiliado por Marvin Torrentera e Miguel Hernandez, todos do México.



imagem transparente

Classificados


Copyright © 2018 - Campo Grande News - Todos os direitos reservados.