15/04/2019 16:39

Esquina da Rua dos Barbosas vira lixão a céu aberto, denuncia morador

A preocupação do aposentado Milton Veiga é com a proliferação do mosquito da dengue

Silvia Frias
Na Rua dos Barbosa, dois pontos usados como depósito de lixo (Foto: Direto das Ruas)Na Rua dos Barbosa, dois pontos usados como depósito de lixo (Foto: Direto das Ruas)

Sempre aos finais de semana, o aposentado Milton Veiga passa pela Rua dos Barbosas, no bairro Amambaí, antes de buscar jornais na região central da cidade. Ele conta que a paisagem é a mesma: lixo acumulado em frente de casas que estariam desocupadas.

“Eu vejo direto, não é de agora, sempre estão jogando lixo aí”, disse. Ele acredita que sejam moradores da região que resolveram fazer do local um lixão. São restos de construção, muitos galhos de árvores e carcaça de eletrodomésticos.

A preocupação do aposentado é com a proliferação do mosquito da dengue. Veiga disse que ligou para o 156 esta manhã relatando o problema, mas não foi informado quando a limpeza passaria pelo local.

No lixão, galhos, sacos de lixo e restos de embalagens (Foto: Direito das Ruas)No "lixão", galhos, sacos de lixo e restos de embalagens (Foto: Direito das Ruas)

Segundo dados da SES (Secretaria Estadual de Saúde), as notificações da dengue aumentaram 18,40% em Mato Grosso do Sul. No último dia 3, eram 18.636 casos notificados e agora esse número saltou para 21.742.

Segundo boletim epidemiológico divulgado pelas SES, 11 pessoas já morreram em MS, duas em Campo Grande.

A Semadur (Secretaria Municipal de Meio Ambiente e Desenvolvimento Urbano) informou que a irregularidade será encaminhada para fiscalização. Caso não haja flagrante do descarte, os proprietários dos imóveis serão notificados e solicitará a limpeza da rua. As multas variam de R$ 1,16 mil a R$ 4,6 mil.

Direto das Ruas - A sugestão chegou ao Campo Grande News por meio do canal Direto das Ruas, meio de interação do leitor com a redação. Quem tiver flagrantes, sugestões, notícias, áudios, fotos e vídeos pode colaborar no WhatsApp pelo número (67) 99955-2040, pela ferramenta Fale Conosco ou por mensagem enviada via Facebook.

Para que sua imagem tenha mais qualidade, orientamos que fotos e vídeos devem ser feitos com o celular na posição horizontal.

imagem transparente