27/12/2012 14:40

Moradores reclamam de praça abandonada no Tiradentes

Viviane Oliveira
No local o mato está alto e pichado pelos vândalos. (Foto: João Garrigó)No local o mato está alto e pichado pelos vândalos. (Foto: João Garrigó)
O mato toma conta da praça. A noite os moradores reclamam que a situação piora. (Foto: João Garrigó)O mato toma conta da praça. A noite os moradores reclamam que a situação piora. (Foto: João Garrigó)

O estado de abandono da praça Jorge Razuk, na rua Professor Xandinho com a Marquês de Lavradio, localizada na entrada do bairro Tiradentes, em Campo Grande, tem provocado reclamações de moradores e frequentadores do local.

Canteiros com mato alto, sujeira espalhada por todo lado, brinquedos e lixeira quebradas compõe o triste cenário de uma área de lazer que foi construída para ser utilizada pela comunidade.

A aposentada Elaci Pinho, 53 anos, moradora no bairro há 14 anos reclama que a praça está esquecida pelo poder público. Segundo a dona de casa, faz muito tempo que o local não passa por manutenção da prefeitura.

“O mato está alto, os brinquedos quebrados e a praça pichada. À noite o local serve de esconderijo para usuários de droga e muita gente já foi assaltada nas proximidades do local”, reclama Elaci

Além disso, afirma à moradora, por falta de limpeza a praça está cheia de mosquito e virou um criadouro da dengue. Recentemente a prefeitura inaugurou uma academia da terceira idade na praça, porém nessas condições os moradores evitam passear no local.

“A praça está suja, falta pintura, manutenção e brinquedos para as crianças”, finaliza o estudante Uilham Aparecido Guerra, 19 anos.

De acordo com a assessoria de imprensa da prefeitura, os moradores podem solicitar a limpeza das praças pelo telefone da Secretária de Obras 3314-3676. Ainda de acordo com o órgão, a limpeza segue um cronograma feito pela prefeitura e por solicitações pelo telefone realizado pela comunidade.

imagem transparente