19/10/2018 18:10

Nova unidade da PRF em Sidrolândia é inaugurada e já entra em operação

Posto na BR-060 foi construído ao custo de R$ 1,2 milhão e conta com áreas preparadas para fiscalizações minuciosas

Humberto Marques
Solenidade de inauguração de nova base da PRF ocorreu nesta sexta-feira; unidade já está em operação. (Foto: PRF/Divulgação)Solenidade de inauguração de nova base da PRF ocorreu nesta sexta-feira; unidade já está em operação. (Foto: PRF/Divulgação)

Foi inaugurada na manhã desta sexta-feira (19) e já está em operação a Unidade Operacional da PRF (Polícia Rodoviária Federal) no km 416 da BR-060, em Sidrolândia –a 71 km de Campo Grande. O 22º posto de fiscalização fixo do Estado funcionária em regime 24 horas ao longo de toda a semana, sendo considerado o mais moderno. A obra custo R$ 1,2 milhão e conta com a maior área coberta, além de estruturas para fiscalização minuciosa de veículos a fim de coibir tráfico e contrabando.

A estrutura conta com 379,9 metros quadrados de área construída. A obra foi entregue com atraso de cerca de dois anos. Em 2015, foi feita licitação que definiu a empresa responsável pela construção, iniciada no ano seguinte. Contudo, apontando dificuldades financeiras, a empreiteira abandonou o canteiro, dando início a ações visando a recuperação dos recursos investidos. Em 2017, contenções orçamentárias impediram a liberação dos recursos para a retomada da obra, viabilizada neste ano.

A PRF considera a unidade o projeto mais moderno de unidade operacional realizado no país para fiscalizações avançadas de trânsito e segurança –que abrangem vistorias detalhadas em veículos atrás de entorpecentes e produtos de contrabando, comuns na região de fronteira. Também conta com uma área coberta maior que os demais postos.

Com a inauguração, a PRF totaliza 22 unidades operacionais no Estado em funcionamento. A equipe de serviço já foi designada. Após esta obra, a corporação concentra esforços na conclusão da reforma da unidade de Paranaíba e na modernização da Superintendência, em Campo Grande.

A BR-060 esteve sob jurisdição estadual entre 2004 e 2013, até que foi devolvida ao governo federal –levando ao repasse dos postos estaduais de fiscalização à PRF. A rodovia, na verdade, integra um trajeto viário maior com trechos concedidos a Estados –ela começa no Distrito Federal, passa por Goiás e adentra Mato Grosso do Sul por Chapadão do Sul. De Campo Grande, segue para Sidrolândia e, dali, rumo a Nioaque, Guia Lopes da Laguna, Jardim e Bela Vista.

imagem transparente