10/09/2019 20:12

Fogo se alastra pelo Refúgio Caiman, famoso destino turístico em MS

Brigada de incêndio do Refúgio Caimam atua no combate às chamas e amanhã bombeiros da Capital também irão ao local

Adriano Fernandes
Chamas na vegetação à margem de estrada que dá acesso ao ponto turístico. (Foto: Direto das Ruas) Chamas na vegetação à margem de estrada que dá acesso ao ponto turístico. (Foto: Direto das Ruas)

Referência do turismo rural no Estado, o Refúgio Ecológico Caiman, distante 31 quilômetros de Miranda, é mais uma região atingida por incêndios de grandes proporções, nesta terça-feira (10) em Mato Grosso do Sul.

Vídeos enviados ao Campo Grande News, mostram as chamas que rapidamente se alastram pela vegetação, agravadas pelo tempo seco e os fortes ventos da região pantaneira. Conforme apurado pela reportagem o refúgio possui brigada própria de incêndio, que no decorrer do dia atua no combate as chamas. 

O grupamento de bombeiros mais próximo da fazenda fica em Aquidauana, contudo, os militares ainda não puderam se deslocar para a região, pois também estão empenhados e outros dois incêndios de grandes proporções, na BR-262 e na região urbana de Aquidauana.

Amanhã (10), militares de Campo Grande irão sobrevoar a região em um avião do governo estadual, para avaliar os estragos causados pelo incêndio. Caso ainda seja necessário, mais militares do interior e da Capital serão destinados ao local.

O refúgio – Em uma área de 53 mil hectares, a propriedade alia ecoturismo e pesquisas relacionadas a fauna e flora da região pantaneira. Os seus pacotes de hospedagem incluem desde trilhas, passeios ciclísticos e de barco até safári para observação de onças pintadas.

O ex-presidente Michel Temer, o casal de apresentadores Luciano Huck e Angélica e até o ator Harrison Ford, são algumas das “estrelas” que já se hospedaram no complexo turístico de alto padrão.

Veja os vídeos das chamas se alastrando pela vegetação da propriedade.

imagem transparente