20/03/2019 21:59

Jovens são suspeitos de terem estuprado menina de 11 anos em residência

Vítima estava desaparecida desde domingo (17)

Adriano Fernandes
Adolescente, de 16 anos, foi apreendido enquanto passava em frente ao imóvel onde a vítima foi mantida. (Foto: Divulgação/PM) Adolescente, de 16 anos, foi apreendido enquanto passava em frente ao imóvel onde a vítima foi mantida. (Foto: Divulgação/PM)
Suspeito, de 19 anos, só levou a criança até a família após ouvir anúncio sobre o desaparecimento da vítima em uma rádio. (Foto: Divulgação/PM) Suspeito, de 19 anos, só levou a criança até a família após ouvir anúncio sobre o desaparecimento da vítima em uma rádio. (Foto: Divulgação/PM)

Dois jovens, de 19 e 16 anos, são suspeitos de terem estuprado uma menina, de apenas 11 anos, que estava desaparecida há dois dias em Paranaíba, cidade a 422 quilômetros de Campo Grande. Desde o último domingo (17) a vítima era mantida pelos suspeitos em uma residência da Rua Emílio Ferraz, na cidade.

Os policiais militares foram até o imóvel após receberem denúncia anônima, informando sobre a presença da criança no endereço. No entanto, ao chegarem no local, nesta terça-feira (19) testemunhas informaram que o rapaz, de 19 anos, havia fugido da residência com a garota após terem ouvido através do rádio, um anúncio que alertava sobre o desaparecimento da menina.

Enquanto os militares levantavam as informações sobre o possível paradeiro do rapaz e da vítima, o adolescente, de 16 anos, passou em frente à residência e foi reconhecido pelos moradores que informaram que ele também estava na casa com a criança.

Apreendido, ele acabou indicando onde estava o outro comparsa, que ao ser localizado informou aos militares que havia deixado a menina na casa da avó. Por sua vez, a avó da menina a levou até a casa da mãe da vítima, onde ela disse ter sido estuprada pelos dois jovens. O caso foi encaminhado para a Delegacia Especializada de Apoio à Mulher na cidade.

imagem transparente