10/09/2019 22:39

Preso e comparsas levariam veículo de motorista sequestrado até a fronteira

Único detido até o momento, Miguel Elias Farias Sales, de 20 anos, é quem conduzia o veículo da vítima

Adriano Fernandes e Helio de Freitas
Sequestrador descendo de viatura da polícia na delegacia da cidade. (Foto: Adilson Domingos) Sequestrador descendo de viatura da polícia na delegacia da cidade. (Foto: Adilson Domingos)

Preso em Laguna Carapã após sequestrar um motorista de aplicativo, esta tarde (10) Miguel Elias Farias Sales, de 20 anos, já está preso na 1ª DP (Delegacia de Polícia) de Dourados, município a 233 quilômetros de Campo Grande. 

O jovem morava no Bairro Harrison de Figueiredo, no município e teria sido contratado para conduzir o veículo Corolla do motorista, de 35 anos, até Ponta Porã. Os outros dois criminosos que participaram da ação e que também são de Dourados, conseguiram fugir durante a abordagem policial e ainda não foram localizados.

“Ele (Miguel) eram quem mais conhecia toda a região e por isso conduzia o veículo. Os policiais continuam na região em busca dos outros dois comparsas e a expectativa é de encontrá-los até amanhã”, completou o delegado Erasmo Cubas, responsável pelo caso.

Sequestro – O motorista foi contratado por uma menina para uma falsa corrida até a região sul da cidade. Ao chegar no local indicado ele foi dominado pelos três criminosos, dois deles armados, e colocado no banco de trás do veículo.

Contudo, pouco antes da ação o motorista havia acionado colegas, sobre a desconfiança de que a corrida poderia ser um assalto. Com isso o carro passou a ser monitorado e quando chegou à sitioca Campina Verde, na BR-463 com destino ao Paraguai, as forças policiais da região foram avisadas. Eles foram interceptados por policiais militares no município de Laguna Carapã, mas apenas Miguel acabou preso. Os outros dois bandidos fugiram em meio a uma mata. 

Com a colaboração de Adilson Domingos***

imagem transparente