12/06/2019 06:35

Os segredos do amor duradouro

Mário Sérgio Lorenzetto
Os segredos do amor duradouro

"Não acredito! Vocês eram o casal perfeito". Eduardo vem escutando essa frase desde que rompeu com Maria. Se conheceram no primeiro ano da faculdade e, depois de muitos anos vivendo juntos, contraíram matrimônio. Para amigos e parentes foi o casamento do ano. Depois de duas festas inesquecíveis - uma para cada grupo familiar - decidiram que viveriam juntos para sempre. Vieram os filhos. Os dois eram profissionais exitosos, fortes, bonitos, esportistas, seres edificantes, exemplares. Mas um dia a relação foi rompida. Foi uma bomba entre amigos e familiares, cegos pelo brilho de um casal ideal que não era tanto. O fato é que Eduardo e Maria não eram compatíveis. Não funcionavam juntos. Nunca foram capazes de resolver seus maiores e mais angustiantes problemas. Apenas os deixavam estacionados para retomá-los em outro momento. Um momento que nunca chegava. O que chegou foi o dia em que uma bola imensa de conflitos sem resolver se tornou demasiadamente grande, excessivamente pesada... e caiu em cima do casal, esmagando a relação.

Os segredos do amor duradouro
Os segredos do amor duradouro

A meia laranja é um invento do marketing.

O entorno do casal não conseguia explicar o acontecimento. Mas Maria sabia o que tinha acontecido. A união se quebrou quando passou a época da eterna lua de mel. Começaram a sentir os sintomas da "Síndrome do estresse pós-romântico", um termo que define o final de uma fase em que tudo é perfeito.
Perguntar a um bom psicólogo se existe o casal perfeito é como provocar o diabo. Todos afirmam categoricamente que "a meia laranja" é uma ideia do marketing. Somos seres imperfeitos. Em contínuo desenvolvimento e crescimento. E ninguém pode satisfazer em 100% todas tuas necessidades. Uma relação vai crescendo, evoluindo e mudando ao longo da vida. Mas há pessoas incapazes de enxergar a realidade e se tornam obcecadas por um ideal de amor que não existe. Adotam uma ideia romântica de amor inalcançável. E geram muita frustração. Além do mais, o "ideal" é diferente para cada pessoa.

Os segredos do amor duradouro
Os segredos do amor duradouro

Mudança de casal: do perfeito para o consciente.

A maioria das pessoas pensa que basta o amor. Mas isso não é certo, o amor não é suficiente para a convivência. Faz falta habilidades de convivência, que tem de ver com a comunicação, com a capacidade de resolução de problemas e de habilidades de negociação. Esse conjunto de predicados é o que gera o bem estar do casal, algo um tanto distante daquilo que muitos entendem como o casal amoroso ideal. E isso não é uma opinião. Trata-se de pesquisa científica ampla e bem elaborada.
Precisamente esse conjungo de predicados foi o apontado em uma pesquisa onde os cientistas entrevistaram mais de 4.000 casais no Reino Unido, e que seguiram a fundo durante muito tempo para determinar o que fazia com que sua relação funcionasse. Segundo os autores, os casais que obtiveram sucesso foram aqueles que mantinham uma boa capacidade de comunicação e de resolução de conflitos. Dizem eles que "o casal perfeito deve ser trocado pelo casal consciente ou compatível".

imagem transparente