06/12/2018 07:30

Depois de gravar Roberto Carlos, Alencastro interpreta Padre Zezinho

Novo CD do cantor Alencastro está disponível nas plataformas digitais

Post Patrocinado
Com talento e sucesso há 40 anos, Alencastro lança um novo CD, interpretando Pe. Zezinho. (Foto: Divulgação)Com talento e sucesso há 40 anos, Alencastro lança um novo CD, interpretando Pe. Zezinho. (Foto: Divulgação)

Com 40 anos de carreira, o amor, a dedicação e a fé do cantor Alencastro protagonizam seu novo CD, lançado nesta quarta-feira (5), nas plataformas digitais.

“Alencastro Interpreta Pe. Zezinho, scj” é o mais novo sucesso do cantor mato-grossense que se tornou um dos artistas mais consagrados em Mato Grosso do Sul, especialmente, por cantar e encantar em casamentos.

Hoje, sua história com a música ganha mais um capítulo, ao gravar as músicas de um dos primeiros padres a fazer sucesso no país cantando. Alencastro é conhecido por ser o primeiro leigo da Igreja Católica a gravar canções do Roberto Carlos. Cantou para o Papa João Paulo II na sua visita a Campo Grande e agora teve seu novo CD com arranjos foram produzidos pelo maestro e arranjador do rei Roberto Carlos.

“É um momento de muita felicidade e realização. Sempre fui muito fã do Rei Roberto Carlos, então ter o seu maestro nessa participação é algo inesquecível. Assim como foi maravilhoso interpretar as canções do nosso querido padre Zezinho”.

Dedicatória de Padre Zezinho. (Foto: Divulgação)Dedicatória de Padre Zezinho. (Foto: Divulgação)
É uma honra interpretar os grandes sucessos de Padre Zezinho, diz o cantor. (Foto: Divulgação)"É uma honra interpretar os grandes sucessos de Padre Zezinho", diz o cantor. (Foto: Divulgação)

A relação musical com o padre de sucesso não é de hoje, Alencastro foi convidado pelo Padre Zézinho a participar de alguns dos seus shows em todo o Brasil nos anos 90. “Foi um momento de muito de aprendizado e experiências inesquecíveis com a música. Hoje, é uma honra interpretar as suas canções”, diz o cantor.

Padre Zezinho, emocionado, declarou admiração pelo brilhante trabalho de Alencastro. "É um dos primeiros cantores a cantar comigo. Continua inspirando e comunicando, como sempre, e evangelizando tranquilo e sereno", declarou o padre que deixou sua assinatura no CD.

Expoente da MPB (Música Popular Brasileira), Alencastro abraçava melodias ainda menino. Natural Cuiabá (MT), com apenas 7 anos começou seus estudos em conservatório de música optando pelo piano, inspirado na família de músicos que já faziam sucesso.

Aos 18 anos começou a participar de eventos sociais, audições, concertos, e festivais de música. Hoje, coleciona troféus e medalhas por participar de festivais como Sacra-Som, Festart e Fic.

O disco tem 10 incríveis canções. (Foto: Divulgação)O disco tem 10 incríveis canções. (Foto: Divulgação)

O passado de fé e amor à humanidade segue protagonista no trabalho de Alencastro, que depois concluir seu curso de teclado em São Paulo na Yamaha do Brasil, participou da Orquestra de Mato Grosso do Sul como músico, cantor e regente e hoje é um dos vocais mais admiráveis na Igreja São José, e também nas novenas do Santuário Nossa Senhora do Perpétuo Socorro.

Do outro lado, fãs seguem expressando amor por Alencastro, principalmente, em casamentos e aniversários. “Sou muito solicitado para tocar e cantar em diversos eventos como casamentos, bodas, missas especiais, aniversários, ao lado de inúmeros instrumentistas e cantores de alto gabarito que eu fico admirado de trabalhar”, diz o cantor.

Em 1991, Alencastro gravou o seu primeiro LP “Arquiteto do Mundo”, um trabalho independente onde foi muito bem aceito pela crítica musical. O primeiro disco foi o pontapé para inúmeros shows pelo Brasil. “O que me trouxe o privilégio de tocar e cantar para o Papa João Paulo II”, lembra.

Em 1992 gravou uma participação no disco “Louvemos o Senhor - Vol. 07” pelas Paulinas COMEP a nível Nacional e 1993 e 1994 realizou um trabalho junto a Missão Salesiana de MS em fitas K7 distribuindo seus trabalhos a nível Nacional.

O álbum está disponível nas seguintes plataformas: Spotify, Deezer, iTunes e Google Play.O álbum está disponível nas seguintes plataformas: Spotify, Deezer, iTunes e Google Play.

Em 1995 gravou o seu 5º trabalho “Cor do Amor” e em 1998 lançou “Guerreiros da Paz” uma superprodução.

Autor também dos discos “Presença Real”, com músicas de vários compositores nacionais e internacionais, "Nosso Encontro" e “Cantata de Natal”, mas o grande destaque e feito da carreira foi neste ano com a gravação e lançamento do CD Independente “Estou Aqui”, com canções de Roberto Carlos e Erasmo Carlos, fazendo dele o primeiro leigo da igreja católica a regravar canções autorizadas pelo Rei.

Hoje o CD “Alencastro Interpreta Pe. Zezinho, scj” pela gravadora Paulinas, conta com a participação, no backing vocal, dos Cantores de Deus. Os arranjos foram produzidos pelo maestro e arranjador Tutuca Borba.

O álbum está disponível nas seguintes plataformas: Spotify, Deezer, iTunes e Google Play.

Alencastro canta todos os domingos às 18h na Igreja São José e todas às quartas-feiras na Novena do Santuário Nossa Senhora do Perpétuo Socorro às 13h.

Contato Para Show e Vendas:

(67) 9 9981-6620 / (67) 3321-1632 e o email: alen.msi@terra.com.br

Acompanhe também no Facebook, Instagram@alencastroalvesneto, Youtube e Twitter: @alencastromusic

imagem transparente