A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 22 de Outubro de 2017

26/05/2008 17:21

Acrissul culpa Mapa por não certificação sanitária

Redação

O presidente da Acrissul (Associação dos Criadores de Gado de Mato Grosso do Sul), Laucídio Coelho Neto, disse à reportagem do Campo Grande News que o Estado não recebeu a certificação de status livre de febre aftosa com vacinação por culpa do Mapa (Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento).

A OIE (Organização Mundial de Saúde Animal) adiou para julho a avaliação sobre o status sanitário de Mato Grosso do Sul, mas liberou o comércio para 11 unidades da federação.

Segundo ele, Mato Grosso do Sul não deu conta de implantar algumas ações na ZAV (Zona de Alta Vigilância) na fronteira do Brasil com o Paraguai justamente pelo atraso nas ações desenvoldias pelo Ministério da Agricultura.

Laucídio ressalta que o Ministério demorou a definir ações para serem realizadas na zona de fronteira, atrasando o envio de recursos, que acabou atrapalhando a compra de brinco e na contratação de pessoal.

Ele informa que a falha maior foi a não conclusão da identificação dos animais na ZAV.

imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions