A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 14 de Dezembro de 2017

18/10/2013 22:57

Aquecimento da demanda leva preço do leite em MS a alta de 28%

Vinícius Squinelo

O preço do leite pago ao produtor de Mato Grosso do Sul mantém trajetória positiva ao longo deste ano, apresentando valorização contínua desde fevereiro de 2013. Para outubro, a projeção é que o litro do leite vendido fique na média de R$ 0,8769, 28% a mais que o valor do mesmo período do ano passado, com a média R$ 0,6836 o litro. A informação consta no Informativo Casa Rural elaborado pela equipe técnica da Federação de Agricultura e Pecuária de MS (Sistema Famasul).

A média prevista para este mês apresenta alta de 1,63% em relação ao mês anterior, quando a matéria-prima valia R$ 0,8628 o litro. De acordo com a assessora técnica do Sistema Famasul, Adriana Mascarenhas, esta elevação é fruto do aquecimento da demanda interna e dos elevados preços dos lácteos importados pelo Brasil.

"Para se ter uma ideia, o preço do leite em pó na Oceania subiu 64% entre 2012 e 2013, uma média de US$ 4.850 a tonelada. O mesmo produto da Europa para o Brasil vale US$ 4.675 a tonelada. Estes aumentos expressivos vêm inibindo as importações", enfatiza Adriana, complementando que com a diminuição da oferta do produto estrangeiro, a oferta no mercado interno fica ainda mais restrita.

De acordo com os dados da Secretaria de Comércio Exterior (Secex), em setembro deste ano as compras internacionais de leite em pó, manteiga e queijo do Brasil acumularam aproximadamente 11,3 mil toneladas, 8,7% a menos que em 2012.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions