A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 16 de Dezembro de 2017

21/01/2016 13:59

Começa em março pós-graduação em Integração Lavoura, Pecuária, Floresta

Caroline Maldonado
Convênio foi assinado ontem durante feira agropecuária em Maracaju (Foto: Divulgação/Fundação MS)Convênio foi assinado ontem durante feira agropecuária em Maracaju (Foto: Divulgação/Fundação MS)

A partir de março deste ano, Mato Grosso do Sul terá a primeira pós-graduação lato sensu em ILPF (Integração Lavoura, Pecuária, Floresta). O convênio para a criação do curso foi assinado ontem (20) entre a Fundação MS e a Unoeste (Universidade do Oeste Paulista). A ILPF é uma técnica utilizada por produtores rurais, que traz diversos benefícios à qualidade e produtividade. 

O termo de convênio foi assinado pelo presidente da Fundação MS, Luis Alberto Moraes Novaes e o coordenador do Curso de Pós-Graduação de ILPF da Unoeste, professor Edemar Moro, durante a feira agropecuária Showte, em Maracaju, a 160 quilômetros de Campo Grande. 

A especialização em ILPF existe na Unoeste desde 2013 e já abriu sete turmas. Segundo Edemar, a vinda do curso para Mato Grosso do Sul vai refletir em mais eficiência no campo. “Agricultura e pecuária serão beneficiadas, com acréscimo na produção de grãos e carne de melhor qualidade”, comentou Edemar.

A grade será adaptada para a realidade local, de acordo com o diretor-executivo da Fundação MS, Alex Melotto. “É uma oportunidade única para os profissionais sul-mato-grossenses. Integração é a terceira revolução da agricultura brasileira, e quem não estiver capacitado vai acabar perdendo espaço no mercado”, disse.

O curso terá 18 meses de especialização com aulas teóricas na sede da Fundação MS e visitas técnicas em áreas rurais. O corpo docente é formado por profissionais experientes na área, entre eles pesquisadores da fundação, da Embrapa (Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária) e professores da Unoeste.

MS terá pós-graduação em Integração Lavoura, Pecuária, Floresta em janeiro
Em 2016, Mato Grosso do Sul será o segundo estado do país a oferecer o curso de pós-graduação lato sensu em Integração Lavoura, Pecuária, Floresta. P...
Gramíneas forrageiras tropicais para Integração Lavoura-Pecuária
Diversas características das forrageiras tropicais favorecem sua utilização em Integração Lavoura-Pecuária (ILP) como: crescimento mais lento na fase...
Integração Lavoura-Pecuária será tema de giro tecnológico em feira
A pratica e os benefícios do uso da Integração Lavoura-Pecuária em propriedades rurais do Estado, será apresentado durante os giros tecnológicos do S...


imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions