A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 16 de Dezembro de 2017

11/08/2014 16:46

Conab fará leilão para escoar 75 mil toneladas de milho safrinha

Priscilla Peres

No próximo dia 20, a Conab (Companhia Nacional de Abastecimento) fará um leilão de Pepro (Prêmio Equalizador pago ao Produtor Rural) de 1 milhão de toneladas de milho. Do total, 75 mil toneladas do grãos são de Mato Grosso do Sul, outras 75 toneladas mil de Goiás e 900 mil toneladas de Mato Grosso.

De acordo com o consultor da unidade técnica da Famasul (Federação de Agricultura e Pecuária de Mato Grosso do Sul), Justino Mendes, o Pepro é realizado para ajudar a escoar a produção de grãos da região, garantindo um preço mínimo ao produtor. "Por meio desse leilão, o governo garante a venda e comercialização do milho por um valor estalecido, no caso R$ 17,67 por saca de 60 kg", explica.

O milho safrinha em Mato Grosso do Sul está em fase de colheita e o Estado não tem capacidade para armazenar toda a produção. "O clima ajudou e a produtividade foi alta, por isso os preços estão com tendência de queda e os armazéns cheios", detalha o consultor, lembrando que no ano passado a Famasul alertou os produtores para frear os investimentos no milho safrinha devido os altos custos da produção.

Segundo o edital da Conab, o arrematante, produtor rural ou cooperativa, só não pode escoar o produto para as regiões Centro-Oeste, Sul e Sudeste, com exceção dos estados de São Paulo, Rio de Janeiro, Espírito Santo e norte de Minas Gerais, além de Bahia, Maranhão, Piauí, Rondônia e Tocantins.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions