A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 11 de Dezembro de 2017

27/10/2014 12:06

Conab realiza 4º leilão de trigo na quinta-feira

Caroline Maldonado
Último Pepro de trigo comercializou apenas 4,6% do previsto em MS (Foto: Canal do Produtor)Último Pepro de trigo comercializou apenas 4,6% do previsto em MS (Foto: Canal do Produtor)

Para estimular o escoamento da produção, na quinta-feira (30), a Conab (Companhia Nacional de Abastecimento) realiza mais um leilão de Prêmio Equalizador Pago ao Produtor Rural (Pepro) de trigo em grãos. Além de Mato Grosso do Sul, participam produtores do Paraná, São Paulo e Rio Grande do Sul.

A operação segue programa semanal do governo, segundo o Mapa (Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento). Desta vez, o prêmio será oferecido para 206 mil toneladas de trigo da safra 2014/2015 de produtores e cooperativas que comprovarem a venda e o escoamento do grão para fora da região de plantio, ou seja, Sul, Sudeste e Centro-Oeste.

O último leilão, ocorrido semana passada, negociou cerca de 60% do total previsto, das 160 mil toneladas ofertadas aos Estados. Já em Mato Grosso do Sul, o Pepro de trigo comercializou apenas 4,6% do previsto. A expectativa do Mapa (Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento) era negociar 5 mil toneladas de grão, mas o total comercializado foi 234,3 toneladas.

O Pepro garante o preço mínimo ao produtor, sem aquisição, mediante o pagamento da diferença entre os preços mínimo, ou de referência, e o de mercado. Conforme o Mapa, a subvenção econômica para escoa o produto do local de produção para o de consumo, quando o preço de mercado está abaixo do mínimo.

Para participar de um leilão de Pepro, lançado por meio de leilão da Conab em bolsas de cereais/mercadorias, o interessado deve ter um corretor nomeado, ser cadastrado na bolsa, estar regular no Sicaf (Sistema Unificado de Cadastramento de Fornecedores), no Sircoi (Sistema de Registro e Controle de Inadimplentes) e no Cadin (Cadastro Informativo de Créditos não quitados do Setor Público Federal).



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions