A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 14 de Dezembro de 2017

26/11/2012 19:24

Conselho do Fundersul propõe corte da taxa sobre carne e grãos

Proposta pela Acrissul, mudança transfere repasse para cana, florestas e minérios

Nícholas Vasconcelos
Proposta divide Fundersul entre grãos, carne, cana, minério e florestas. (Foto: Arquivo/Campo Grande News)Proposta divide Fundersul entre grãos, carne, cana, minério e florestas. (Foto: Arquivo/Campo Grande News)

Proposta aprovada hoje pelo Conselho Administrativo do Fundersul (Fundo de Desenvolvimento do Sistema Rodoviário de Mato Grosso do Sul) propõe a redução pela metade do percentual cobrado pelo fundo dos setores de carne e grãos. A alteração da fórmula de cobrança do tributo foi sugerida pela Acrissul (Associação dos Criadores de Mato Grosso do Sul) e será enviada em um projeto de alteração da Lei para a Assembleia Legislativa.

Pela proposta, metade da carga tributária da pecuária e dos grãos será repassada para a cana-de-açúcar, florestas e mineração, que hoje são isentos de cobrança.

Para a Acrissul, a pecuária e os grãos não devem mais suportar o total do tributo, enquanto os outros setores continuam desonerados da cobrança utilizada na manutenção das estradas estaduais utilizadas para o transporte dos produtos.

Outra medida aprovada pelo Conselho é a que prevê que os sindicatos rurais de cada município criem um plano de aplicação dos recursos do Fundo.

O Conselho Administrativo do Fundersul é composto por secretarias de Estado do Governo, Acrissul, Famasul (Federação da Agricultura e Pecuária de Mato Grosso do Sul), Assomasul (Associação dos Municípios de Mato Grosso do Sul) além de outras entidades.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions