A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 16 de Dezembro de 2017

07/08/2014 11:40

Fundo prevê R$ 400 mil para pesquisa no campo

Caroline Maldonado
Projeto vai difundir tecnologias de maior produtividade de soja  (Foto: Marcos Ermínio)Projeto vai difundir tecnologias de maior produtividade de soja (Foto: Marcos Ermínio)

Foi aprovada a liberação de R$ 400 mil do Fundo de Desenvolvimento das Culturas do Milho e da Soja de Mato Grosso do Sul (Fundems) para a implantação de campos de pesquisa no Estado.

O projeto para a safra 2014/2015 pretende recuperar pastagens degradadas e integrar a lavoura com a pecuária em uma área de 200 hectares, além de revalidar pesquisas e difundir tecnologias de maior produtividade dentre as melhores cultivares de soja.

A aprovação foi publicada na edição de quarta-feira (6), do DOE (Diário Oficial do Estado). Conforme a publicação, os recursos serão repassados para a Fundect (Fundação de Apoio ao Desenvolvimento do Ensino, Ciência e Tecnologia de Mato Grosso do Sul) e estão vinculados também a Seprotur (Secretária de Estado de Desenvolvimento Agrário, da Produção, da Indústria, do Comércio e do Turismo).

Fundems – Lançado no final de 2010, o fundo tem objetivo de desenvolver pesquisas e dar suporte tecnológico e de infraestrutura ao setor agrícola no Estado. O Comitê Gestor que administra o fundo é composto por representantes da Associação dos Produtores de Soja do Estado (Aprosoja), Federação da Agricultura e Pecuária de Mato Grosso do Sul (Famasul), Organização das Cooperativas Brasileiras no Estado (OCB/MS), Secretaria de Fazenda (Sefaz) e Seprotur.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions