A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 14 de Dezembro de 2017

16/12/2013 13:34

Governador diz que União não tem mais “desculpa” sobre conflito indígena

Leonardo Rocha
André diz que governo estadual criou todas as possibilidades para União (Foto: Marcos Ermínio)André diz que governo estadual criou todas as possibilidades para União (Foto: Marcos Ermínio)

O governador André Puccinelli (PMDB) voltou a reafirmar que depois da “adequação” e publicação do Fepati (Fundo Estadual de Terras Indígenas), o governo federal não tem mais “desculpas” para começar a compra de terras em conflito em Mato Grosso do Sul.

“Fizemos todas as adequações que foram pedidas, nos colocamos a disposição para ajudar, agora é só executar, estamos aguardando as ações”, descreveu ele hoje, durante solenidade na sede da Associação Nipo-Brasileira.

André também lembrou que talvez o ministro da Justiça, José Eduardo Cardozo, que foi tão criticado pela classe política, produtores e indígenas, venha pessoalmente apresentar o cronograma de ações.

“Não tem mais problemas, fizemos a nossa parte e esperamos que eles façam a deles”, concluiu Puccinelli.

O Fepati foi instituído oficialmente hoje com publicação em Diário Oficial do Estado, seguindo todas as instruções que foram repassadas pelo governo federal.

O deputado estadual Pedro Kemp (PT) já havia anunciado na semana passada que o governo federal iria divulgar o cronograma (ações) a partir do dia 15 (domingo). Ele ainda adiantou que a fazenda Buriti, em Sidrolândia, seguido pelo município de Japorã, seriam os primeiros (conflitos) a serem resolvidos.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions