A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 13 de Dezembro de 2017

11/11/2015 14:46

Iagro altera regras para vacinação contra a aftosa na Fronteira

Priscilla Peres
Segunda etapa da vacinação começou no dia 13 de outubro. (Foto: Gerson Walber)Segunda etapa da vacinação começou no dia 13 de outubro. (Foto: Gerson Walber)

A Iagro (Agência Estadual de Defesa Sanitária Animal e Vegetal) publicou no Diário Oficial de hoje, uma portaria que altera as regras para vacinação de bovinos contra a febre aftosa na região do Pantanal e os procedimentos relativos ao trânsito.

Uma das medidas que já foi adotada na segunda etapa de vacinação contra a febre aftosa é que o calendário da região da Fronteira passou a acompanhar o da data de vacinação do Planalto. A segunda etapa que começou no dia 13 de outubro já começou com determinações da nova Portaria.

“Na Fronteira antes tínhamos a vacinação para todo o rebanho, ou seja de mamando a caducando, agora seguindo a região do Planalto só foram e serão vacinados animais com até 24 meses. Os animais acima de 24 meses passam a ficar liberados para o trânsito em qualquer região do Estado ou fora dele, sem necessidade de vacinação”, explica o gerente da Defesa Sanitária Animal, Rubens Rondon.

Outra modificação estabelecida pela portaria, mas que já está sendo aplicada desde 1º de junho deste ano, é a mudança do nome da GTA (Guia de Trânsito Animal) para e-GTA, que por tornar-se eletrônica pode ser emitida tanto por escritórios da Iagro como pelo produtor com cadastro na Saniagro.

O reforço obrigatório para animais da região do Pantanal que tinha prazo de validade de seis meses de mamando a caducando, também muda. Bovídeos com mais de 24 meses passam a ter prazo de validade aumentado para um ano e os demais permanecem com prazo de até seis meses de vacinação reforçada, para entrar no Planalto.

A partir de agora, passa a constar nas e-GTA’s de animais que saírem da zona de Fronteira para o Estado ou fora dele. “Nestas guias constará que os animais são provenientes de área não habilitada para exportação à União Europeia e para o Chile”, finalizou o gerente de Defesa Sanitária Animal.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions