A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 19 de Outubro de 2017

18/02/2017 15:21

Iagro captura 61 morcegos responsáveis pela transmissão da raiva

Em 2016, Itaporã teve casos registrados de raiva em bovinos e equínos

Renata Volpe Haddad
Equipe realizando a captura dos morcegos encontrados. (Foto: Divulgação)Equipe realizando a captura dos morcegos encontrados. (Foto: Divulgação)

Responsáveis pela transmissão da raiva para bovinos e equínos, 61 morcegos hematófagos foram capturados em 7 abrigos, em Itaporã, distante 227 km de Campo Grande. Em 2016, foram registrados focos da doença e morte de bovinos no município.

Fiscais Agropecuários da Iagro (Agência Estadual de Defesa Sanitária Animal e Vegetal do Mato Grosso do Sul) realizaram na última semana, a captura. O rastreamento foi feito em 18 propriedades da região, em conjunto com profissionais do Centro Universitário da Grande Dourados.

Conforme o coordenador do programa de raiva, Fábio Shiroma, o controle populacional destes morcegos que normalmente se abrigam em casas abandonadas, taperas, ocos de árvores, são fundamentais para evitar a doença. "Cabe salientar que sem a ajuda da população local é muito difícil encontrar estes lugares", ressalta.

O coordenador alerta ainda que os fiscais não multam os proprietários, pois o objetivo é acabar com a doença que é um grande risco para a população. Pessoas que possuem contato com animais doentes devem procurar a secretaria de saúde municipal.

Para noticiar a existência de casos de animais com presença de sintomas nervosos, morcegos ou mesmo colônias deles e possíveis abrigos, a população pode entrar em contato com a Iagro do município.

Os morcegos hematófagos são os principais responsáveis pela transmissão da raiva para bovino e equinos, podendo também transmitir para suínos, e outros animais. A raiva é uma doença contagiosa transmitida pelos morcegos ao homem e não possui tratamento.




imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions