A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 24 de Outubro de 2017

24/04/2014 18:31

Liberação de mais um frigorífico sinaliza maior rentabilidade para pecuarista

Bruno Chaves

O pecuarista de Mato Grosso do Sul pode ficar otimista com mais um frigorífico do Estado habilitado a exportar carne para a Rússia. Para o diretor-secretário da Famasul (Federação de Agricultura e Pecuária de MS), Ruy Fachini, “esse é o momento de o produtor conseguir ganhar melhor rentabilidade”.

Desde ontem (23), quatro unidades produtoras de carne do Brasil foram liberadas para exportar carne para o país euro-asiático, uma delas, a JBS, fica em Naviraí, a 366 quilômetros de Campo Grande. “Isso é muito positivo e é fundamental, com a abertura de novos frigoríficos, o aumento da produção de carne bovina”, analisou Fachini.

O diretor lembra que a Rússia é a maior importadora de carnes de Mato Grosso do Sul, seguida por Hong Kong e pelo Chile. “Com isso, e com o preço da arroba em alta, esse se torna o momento certo para o pecuarista”, emendou.

Fachini ainda destacou que a maior parte da produção pecuária de Mato Grosso do Sul, equivalente a 10% do que é produzido no Brasil, é exportado. “Seja para o mercado interno ou externo”, pontuou.




imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions