A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 15 de Dezembro de 2017

21/11/2013 23:05

MS encerra o plantio de 2,2 milhões de hectares de soja, anuncia associação

Vinícius Squinelo

Associação dos Produtores de Soja de Mato Grosso do Sul divulgou nesta quinta-feira (21) o fim do plantio da soja em todo o Estado. Confirmada a área de 2,2 milhões de hectares cultivados com a oleaginosa, a associação estima colheita de 6,6 milhões de toneladas para esta safra, volume recorde, acima dos 6 milhões de toneladas colhidos no ciclo 2012/13.

Para o presidente da Aprosoja Brasil, Glauber Silveira, a expansão de 10% na área dedicada à soja representa a eficiência dos agricultores. “Levando em consideração que a expansão foi em cima da área de pastagem, não existem pontos negativos no aumento da produção, o acréscimo é sinônimo de eficiência”, afirma o presidente. “Mas o aumento na produção exige melhorias nas estruturas, como incremento nas ferrovias e hidrovias. Com logística eficiente, o Estado pode, em pouco tempo, dobrar a produção”, enfatiza.

Lavouras de vinte e sete municípios foram monitoradas semanalmente pelo Sistema de Informações Geográficas do Agronegócio (Siga), e a área acompanhada pelos técnicos da Aprosoja/MS corresponde a 1,78 milhão de hectare ou 81% da produção total de soja de Mato Grosso do Sul. Com a conclusão do cultivo os técnicos da associação passam a monitorar o desenvolvimento da cultura e os níveis de ataque de pragas e plantas daninhas.

A região Sul do Estado mantém a maior parte da área cultivada com soja, o equivalente a 75%, enquanto a região norte soma 25% do total da produção estadual.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions