A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 14 de Dezembro de 2017

11/01/2010 11:25

Preço baixo faz exportação do agronegócio cair

Redação

Dados do Ministério da Agricultura apontam que Mato Grosso do Sul reduziu suas exportações em 5,8% no ano de 2009 em comparação com 2008. Em âmbito nacional as exportações do agronegócio diminuíram em 9,82% por conta da queda de preços pagos pelo mercado internacional.

A balança comercial do agronegócio aponta que o Estado fechou negócios de US$ 1.611.790.162 com outros Países, ao passo em que o ano anterior as exportações somaram US$ 1.711.479.631.

Ainda assim, Mato Grosso do Sul subiu no ranking dos principais exportadores de 10º para 9º, com 2,49% de participação.

Conforme avaliação do Ministério da Agricultura, a diminuição das exportações resultou de redução de 9,4% nos preços médios, enquanto o índice de quantidade exportada praticamente manteve-se o mesmo, com uma variação de -0,4%.

A queda das exportações dos demais produtos exportados pelo Brasil foi de 30%. A participação do agronegócio nas exportações totais brasileiras aumentou de 36,3% em 2008 para 42,5% em 2009.

Os preços médios dos principais produtos exportados diminuíram: soja (-10%), óleo de soja (-32,9%), carne de frango in natura (-17,2%), carne bovina in natura (-16,7%), carne suína in natura (-28%), álcool (-13,4%), café em grãos (-13%). Apresentaram elevação de preços o farelo de soja (5,5%), o açúcar (22,5%) e o algodão (3%). A elevação dos preços do açúcar deveu-se à redução de oferta decorrente da queda de safra a Índia, importante produtor e exportador deste produto, que se tornou importador em 2009.

imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions