A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 18 de Dezembro de 2017

15/07/2008 10:40

Preço internacional de carne de MS subiu 82%

Redação

Além de ter aberto mais mercados e elevado o volume de carne bovina exportada, um fator importante contribuiu para o aumento dos negócios entre os frigoríficos de Mato Grosso do Sul e o mercado externo: o produto teve valorização de 82% no primeiro semestre deste ano em comparação ao mesmo período de 2007.

Conforme informações da balança comercial, foram exportadas de janeiro a junho deste ano 30,32 mil toneladas de carne bovina congelada de Mato Grosso do Sul, ao custo de US$ 110,86 milhões, um volume 127% maior em toneladas remetidas e salto de 302% em valores.

A média paga pelos compradores por tonelada exportada foi de US$ 3,65 mil neste ano contra US$ 2,06 mil no ano passado. Com a reação de preços e volume exportado, a carne bovina saiu de uma participação de 4,23% na balança comercial do Estado a 11,29% em 2008.

A expectativa é de um cenário ainda melhor, já que o Estado pleiteia retomar o status de área livre de febre aftosa junto da OIE (Organização Internacional de Epizootias) ainda neste mês.

No País, segundo a Abiec, (Associação Brasileira das Indústrias Exportadoras de Carne), o aumento no valor médio pago pela carne bovina é de 40%. Uma das explicações para a maior valorização do produto de Mato Grosso do Sul pode estar no fato de o Estado ter reconquistado espaço em mercados que compram cortes mais caros.

No mercado doméstico os preços também estão nas alturas e o consumidor já paga 72% mais caro em determinados cortes em relação há um ano, segundo IPC (Índice de Preços ao Consumidor). Nesta terça-feira a cotação do boi gordo oscila de R$ 88,00 a R$ 90,00 (dependendo da distância entre as propriedades pecuárias e os frigoríficos).

imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions