A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 18 de Dezembro de 2017

04/09/2015 17:46

Banco lança sistema digital para agilizar contratação de crédito rural

Renata Volpe Haddad
Assinatura do primeiro contrato do Pronaf Digital aconteceu ontem (3) em Sidrolândia. (Foto: Divulgação)Assinatura do primeiro contrato do Pronaf Digital aconteceu ontem (3) em Sidrolândia. (Foto: Divulgação)

Para agilizar o processo de contratação de crédito do Pronaf (Programa Nacional de Fortalecimento da Agricultura Familiar), ontem (3) foi assinado em Sidrolândia, distante 71 km de Campo Grande, o primeiro contrato do projeto piloto Pronaf Digital.

Segundo o superintendente Estadual do Banco do Brasil, Evaldo Emiliano de Souza, o projeto piloto foi lançado em Sidrolândia, pois é o município com maior solicitação de financiamento, sendo 1.315 operações de Pronaf. "Foi disponibilizado um montante de R$ 15 milhões para o município, sendo o valor médio de R$ 11,4 mil por contrato", alega.

Em parceria com a Agraer (Agência de Desenvolvimento Agrário e Extensão Rural), o Banco do Brasil promete aprovar, via internet, os projetos das famílias da agricultura familiar, que buscam financiamento com juros abaixo da taxa Selic.

Conforme o superintendente, a taxa de juros do Pronaf, depende do valor solicitado pelo cliente e pode variar de 2,5% até 5,5%. "Se o agricultor precisar de R$ 10 mil, os juros são de 2,5%, de R$ 30 mil até R$ 100 mil, os juros são até 5,5%", explica.

Como funciona – Desde ontem (3) as propostas do Pronaf que são elaboradas pela Agraer serão encaminhadas por meio digital, trazendo agilidade nas contratações, proporcionando melhorias no atendimento aos produtores, pois com essa ferramenta, o envio das propostas, não terão mais a limitação do horário bancário. Com esse fluxo diferenciado e inovador, será agilizada a comunicação, encurtando os caminhos e oferecendo maior comodidade para os técnicos, para os produtores e para o Banco.

Recursos – Para o plano safra de 2015/16, os recursos disponibilizados pelo Banco do Brasil é no volume de R$ 4,4 bilhões para aplicação. O valor é 26% a mais em comparação a safra passada, quando foram aplicados R$ 3,4 bilhões.

A previsão para aplicação de recursos destinados ao Pronaf para a safra de 2015/16 deve ser de R$ 262 milhões. "Este recurso engloba o valor total disponibilizado para a safra de Mato Grosso do Sul. Na safra passada, o Pronaf recebeu recursos de R$ 250 milhões, sendo este ano maior", comenta o superintendente.

O Banco do Brasil é responsável por 82% do crédito do agronegócio total aplicado no Estado, sendo que 18%, está diluído em outros setores.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions