A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 12 de Dezembro de 2017

21/10/2014 07:54

Técnicos da Conab visitam armazéns de grãos até 1º de novembro

Caroline Maldonado
Armazenagem dos grãos em 1.338 armazéns já foram vistoriados em todo o país (Foto: Marcos Ermínio)Armazenagem dos grãos em 1.338 armazéns já foram vistoriados em todo o país (Foto: Marcos Ermínio)

Até o dia 1º de novembro a Conab (Companhia Nacional de Abastecimento) fará inspeção de estoques públicos em sete Estados, entre eles Mato Grosso do Sul. A companhia não informou as datas previstas para as visitas dos 18 técnicos, que irão também à armazéns do Rio Grande do Sul, Distrito Federal, Goiás, Santa Catarina, Bahia e Sergipe.

Segundo o superintendente de Fiscalização de Estoques da Companhia, Francisco Farage, devem ser fiscalizadas 626.750 mil toneladas de grãos de milho, trigo, café, feijão e arroz, depositadas em 181 armazéns próprios e credenciados. Conforme a Conab, os fiscais observam as condições de armazenagem, conservação e a quantidade de grãos armazenados, entre outros fatores.

Irregularidades - Esta é a oitava etapa de fiscalização de armazéns pela companhia neste ano. Nas etapas anteriores foram vistoriadas 11.371 milhões de toneladas em 1.338 armazéns. De acordo com a Conab, verificou-se perdas e desvios de 33.911 mil toneladas de milho e arroz em armazéns no Mato Grosso, Goiás e Rio Grande do Sul.

A Conab informou as irregularidades ao Ministério Público e à Polícia Federal e trabalha para rastrear o produto, junto aos órgãos estaduais e federais. As armazenadoras irregulares não podem operar com a companhia por dois anos e terão que restituir o estoque inicial em dinheiro ou em produto.

Estiveram envolvidos nas ações de fiscalização mais de 226 profissionais. Outra etapa de fiscalização está programada para ocorrer ainda este ano, além de operações especiais conforme demandas dos programas operados pela Conab.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions