A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 18 de Junho de 2018

13/03/2018 17:54

Tecnologia é a saída para maior competitividade da agricultura familiar

Azambuja participou nesta terça-feira de lançamento da Tecnofam

Osvaldo Júnior e Kleber Clajus
Governador Reinaldo Azambuja durante evento na tarde desta terça-feira (Foto: Kleber Clajus)Governador Reinaldo Azambuja durante evento na tarde desta terça-feira (Foto: Kleber Clajus)

Tecnologia, organização e acesso ao mercado. Esse é o tripé que pode fomentar a competitividade da agricultura familiar em Mato Grosso do Sul, conforme avaliação do governador Reinaldo Azambuja. Ele participou, nesta terça-feira (13), do lançamento do Tecnofam (Tecnologias e conhecimento para agricultura familiar ), realizado no auditório da Semagro (Secretaria de Meio Ambiente, Desenvolvimento Econômico, Produção e Agricultura Familiar ), no Parque dos Poderes, na Capital.

“É um tripé: tecnologia disponível, organização do sistema e acesso ao mercado. Isso vai fazer com que a renda do pequeno produtor tenha um avanço”, destacou Azambuja. Com isso, os produtos da agricultura familiar terão maior competitividade, segundo avaliação do governador.

Ele ressaltou, ainda, que o governo do Estado tem feito diversas entregas de máquinas agrícolas no interior do estado. Além disso, também tem fornecido resfriadores de leite, o que possibilita melhor manutenção do produto e avanço na comercialização.

De acordo com números do governo, Mato Grosso do Sul tem hoje aproximadamente 70 mil agricultores familiares. Os principais produtos desse segmento são mandioca, café e feijão.

O chefe geral da Embrapa Agropecuária Oeste, Guilherme Asmuss, pontuou que um dos principais produtos de tecnologia a ser apresentada durante a Tecnofam é o feijão carioca super precoce. O alimento precisa de curto prazo de 64 dias para ser colhido.

Asmuss destacou, ainda, que haverá durante o evento 23 estações de campo de diversas produções agrícolas. “A ideia dos pesquisadores é assegurar que os produtores tenham acesso ao que há de mais modernos para o setor”, afirmou.

Conforme o secretário da Semagro, dos 70 mil produtores da agricultura familiar, 25 mil têm pendências que impossibilitam o acesso a linhas de crédito para uso de tecnologia. “Por isso, o governo de Mato Grosso do Sul tem incentivado o cooperativismo e a organização desses produtores”, disse.

A Tecnofam deste ano, que chega à sua terceira edição, será realizada na de 17 a 19 de abril na Embrapa Oeste, em Dourados. O evento deve reunir reunir agricultores familiares, técnicos de assistência técnica, estudantes, acadêmicos, professores e interessados de modo geral.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions