A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 17 de Dezembro de 2017

16/09/2015 13:06

Valor produzido pelo campo deve crescer 5% e chegar a R$ 26,5 bilhões

Caroline Maldonado
Valor bruto da cana-de-açúcar deve passar de R$ 2,9 bilhões para R$ 3,3 bilhões, o que representa alta de 11,4% (Foto: Divulgação/Biosul)Valor bruto da cana-de-açúcar deve passar de R$ 2,9 bilhões para R$ 3,3 bilhões, o que representa alta de 11,4% (Foto: Divulgação/Biosul)

Em levantamento feito em agosto, o Mapa (Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento) ampliou os valores projetados para a produção agropecuária de Mato Grosso do Sul em 2015. Em 2014, o setor movimentou R$ 25 bilhões no Estado. Em julho, o ministério fez previsão de crescimento no montante para R$ 26,045 bilhões.

Agora, a expectativa é de alta de 5,5%, em relação ao ano passado e espera-se que o VBP (Valor Bruto da Produção) alcance os R$ 26,5 bilhões, conforme dados atualizados pela SPA (Secretaria de Política Agrícola).

Das lavouras, é esperado aumento de 5,6% no montante, que deve passar de R$ 14,6 bilhões para R$ 15,4 bilhões, na comparação entre 2014 e 2015. A pecuária, por sua vez, deve ter incremento de 5,4% no valor referente a produção.

Milho, soja e cana-de-açúcar são os produtos que lideram a produção agrícola. Entre eles, o que deve ter maior crescimento neste ano é a cana-de-açúcar. O valor deve passar de R$ 2,9 bilhões para R$ 3,3 bilhões, o que representa alta de 11,4%.

Para o milho em grão a projeção é de incremento de 9,5%. Espera-se que o montante, que foi de R$ 3,8 bilhões, no ano passado, chegue R$ 4,2 bilhões, em 2015. As lavouras de soja terão acréscimo de 6,7% no valor bruto da produção, segundo o Mapa. Conforme o levantamento, a soma deve passar de R$ 6,7 bilhões para R$ 7,2 bilhões.

Na pecuária de MS, o maior valor bruto é do setor de bovinocultura, para o qual se espera acréscimo de 7,1%, neste ano. O VBP da produção de bovinos deve sair de R$ 8,2 bilhões para R$ 8,7 bilhões, no acumulado de janeiro a dezembro. A criação de frangos é a segunda com maior valor e deve se manter no mesmo patamar, neste ano. O valor não deve passar de R$ 1,4 bilhões.

Brasil – No país, VBP fica em R$ 473,2 bilhões, valor 1% maior do que o obtido em 2014, de R$ 468,6 bilhões. As lavouras, das 21 culturas analisadas, tiveram aumento de 0,3% (R$ 303,34 bilhões), e a pecuária, 2,2% (R$ 169,88 bilhões).

Segundo o coordenador-geral de Estudos e Análises da SPA, José Garcia Gasques, os resultados são motivados pela combinação de ganhos de produtividade de grãos, da ordem de 5,3% em relação ao ano passado, com preços mais baixos para a maior parte das lavoras, que integram o levantamento.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions