A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 26 de Março de 2017

04/01/2013 15:18

Condutor que matou enfermeira na BR-359 dirigia na contramão

Viviane Oliveira
Mulher morreu no local do acidente. (Foto: Hernandes Junior, do Edição MS)Mulher morreu no local do acidente. (Foto: Hernandes Junior, do Edição MS)

O motorista Marcos Miguel Santana, de 30 anos, que matou no trânsito a enfermeira Vera Lúcia Alves Teixeira, de 53 anos, estava dirigindo na contramão. O delegado titular de Coxim, Bruno Henrique Urban, ouviu três pessoas, uma adolescente de 12, 15 e um jovem, passageiros do Corsa, que confirmaram a informação.

O acidente foi por volta das 18h40 da última terça-feira (1º) na BR-359, entre o município de Coxim e o distrito de Silviolândia. A vítima pilotava uma motocicleta Cripton no sentido Coxim, quando foi atingida por um Corsa conduzido por Marcos.

Em depoimento, a menina de 12 anos informou que desde que entraram na rodovia, Marcos dirigia na contramão para desviar de remendos na rodovia. A adolescente detalhou que ficou nervosa com a alta velocidade do veículo.

Assim que avistou a motocicleta Crypton, placa HSP-6829, pilotada pela enfermeira trafegando no sentido contrário, a menina puxou o volante para a esquerda, justificando que Marcos dirigia apenas com uma mão e olhava para baixo. 

Segundo a adolescente, no momento em que ela puxou o volante, o carro ainda estava na contramão, ou seja, na pista de rolamento da motocicleta. A menina informou que Vera Lúcia ainda tentou desviar, mas não conseguiu evitar o acidente. Nervosa com a situação, a adolescente foi orientada por Marcos a deixar o local do acidente junto com a amiga de 15 anos.

Para o delegado, as duas adolescentes afirmaram que o motorista ingeriu bebida alcoólica antes de pegar a estrada. Ao entrarem no carro, na avenida Virgínia Ferreira, notaram que ele estava com uma lata de cerveja na mão. Em seguida foram para uma conveniência na avenida e, posteriormente, seguiram para a Vila Mariana, no assentamento Vale do Taquari, sendo que no trajeto aconteceu o acidente.

Marcos se recusou a fazer o teste do bafômetro, porém continua preso e para responder ao processo em liberdade terá que pagar fiança no valor de R$ 20 mil. (Com informações do site Edição de Notícias)

 




Que absurdo paga fianca e sai da cadeia ,,, quer dizer que a vida da enfermeira custva somente 20 mil,???? justica cade justica cade Lei seca ,,,,??? ta ficando cada dia pior cara bebe inresponsavel com 02 menores no carro MATA enfermeira e vai fica solto?? nao da pra crer nisso,,, sera qe esses 20 mil vai pra familia da vitima?
 
Rosilene carvalho em 05/01/2013 09:13:27
Este assassino nunca deveria ter direito a fiança, pois o mesmo ingeriu bebida alcólica e foi dirigir (até ai tem direito a fiança), depois trafegou em contramão assumindo alta possibilidade e acidênte(perdeu direito a fiança) e atropelou e matou uma pessoa(ai perde todos os direitos a benefícios carcerários)!
 
Alexandre de Souza em 04/01/2013 19:29:18
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions