A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 19 de Setembro de 2018

22/09/2017 07:40

Adolescente tenta fugir, joga carro contra policiais e acaba baleado

As armas de cinco dos 15 policiais envolvidos na ocorrência foram apreendidas; segundo o delegado, os PMs vão responder por lesão corporal

Viviane Oliveira e Mirian Machado
Dez marcas de tiros foram encontradas no carro, que está apreendido na Depac (Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário) da Vila Piratininga (Foto: André Bittar) Dez marcas de tiros foram encontradas no carro, que está apreendido na Depac (Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário) da Vila Piratininga (Foto: André Bittar)

Um adolescente de 14 anos foi baleado após tentar fugir e jogar o carro que conduzia contra policiais militares, por volta das 23h de ontem (22). A perseguição, que durou cerca de 40 minutos, começou no Bairro Guanandi e terminou na Avenida Costa e Silva, em frene à UFMS (Universidade Federal de Mato Grosso do Sul), em Campo Grande. O garoto foi atingido com tiro em uma das pernas. Ele foi socorrido e levado à Santa Casa, onde permanece internado.

Conforme o delegado Giulliano Biacio, que atendeu a ocorrência, o adolescente seguia em um veículo Toyota Corolla, de cor prata, quando foi abordado pela Polícia Militar que fazia rondas pelo bairro. O garoto desobedeceu a ordem de parada e tentou fugir. Houve perseguição e no intuito de que o condutor parasse o carro foram disparados vários tiros.

Durante a perseguição, o adolescente dirigiu na contramão, furou sinal vermelho, subiu em calçadas e não respeitou placas de parada obrigatória. Várias equipes da Polícia Militar foram acionadas para dar apoio na ocorrência. Depois de 40 minutos de perseguição, o menino foi detido e ainda tentou jogar o carro contra os militares.

O automóvel que não tem registro de furto e roubo pertence à avó do menino. Ele teria pegado o veículo escondido. O adolescente que ainda não foi ouvido porque está hospitalizado vai responder por ato infracional por desobediência, resistência e dirigir sem CHN (Carteira Nacional de Habilitação). As armas de cinco dos quinze policiais envolvidos na ocorrência foram apreendidas. Segundo o delegado, os PMs vão responder por lesão corporal. Dez marcas de tiros foram encontradas no Corolla. 



O Moleque de 14 anos, isso mesmo, 14 anos, pega o carro, sai dirigindo pela cidade, é abordado pela Polícia, foge, conduz o veículo na contramão, fura semáforos, conduz o veiculo por calçadas, Coloca a vida do cidadão de bem em risco, e os policiais que fizeram um ótimo trabalho e conseguiram parar esse irresponsável após 40 MINUTOS de perseguição vão responder por lesão corporal... a Inversao de valores aqui do Brasil é ridícula!
 
Fernando Augusto em 22/09/2017 14:46:04
Ele jogou o carro contra os policiais...e se fosse um bandido e se tivesse matado algum policial....os policiais ainda iriam responder? Alias ele pode nao ser um bandido mas precisam ficar de olho nas atitudes desse guri, senao para virar bandido nao demorara
 
Lene Nogueira em 22/09/2017 09:04:44
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions