A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 21 de Setembro de 2018

31/10/2017 12:35

Juiz mantém prisão de motorista bêbado que matou mulher na BR-163

O caso aconteceu na noite de quinta-feira (26), na BR- 163, em frente à Cidade das Abelhas, região da Chácara das Mansões, em Campo Grande

Viviane Oliveira

Em audiência de custódia realizada na manhã de ontem no Fórum, o juiz plantonista Alexandre Branco Pucci converteu em preventiva a prisão do chacreiro Jesus Eurico de Araújo dos Santos, 47 anos, que embriagado causou acidente com uma morte e quatro feridos.

O caso aconteceu na noite de quinta-feira (26), na BR- 163, em frente à Cidade das Abelhas, região da Chácara das Mansões, em Campo Grande. O autor também não tinha CNH (Carteira de Nacional de Habilitação) para conduzir uma caminhonete F-2000.

O juiz acatou o pedido do Ministério Público para que o caso seja tratado como homicídio doloso, quando há intenção de matar. Jesus havia sido preso em flagrante por homicídio culposo, quando não há intenção de matar, e por dirigir sob efeito de álcool.

“De inicio, acolho o parecer ministerial que opinou pela capitulação provisória para crime de competência do Tribunal do Júri. Visando a credibilidade da Justiça, bem como evitar a sensação de insegurança social que se instala diante de condutas em especial”, disse juiz na decisão. O magistrado determinou que Jesus fosse imediatamente encaminhado à uma penitenciária.

O advogado de defesa, Claudemir Acosta Salinas, pediu a liberdade provisória do autor, sem fiança, alegando que não tinha requisitos para decretação de prisão preventiva.

Caso - Jesus conduzia o veículo e tinha como passageiro Lucas Melchior Lima, 18 anos, quando invadiu a pista contrária e bateu de frente com a caminhonete Chevrolet S-10 ocupada por Maria Paula Lima Gabás, de 26 anos, a filha dela de 3 anos e a mãe, Juliana Antunes de Lima, 48 anos. Maria Paula chegou a ser socorrida, mas morreu na UPA (Unidade de Pronto Atendimento) do Bairro Universitário.

Juliana sofreu fraturas no fêmur direito, polegar e joelho esquerdo. Ela continua internada. A criança recebeu alta na manhã de sexta-feira. Jesus também foi internado no hospital, mas recebeu alta na sexta-feira à noite e foi direto para uma das celas da delegacia aguardar a audiência de custódia. Já Lucas sofreu ferimentos no joelho, foi internado, mas já recebeu alta.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions