A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 19 de Setembro de 2018

18/01/2017 07:00

Motociclista tem pescoço cortado por linha de pipa com cerol em bairro

Viviane Oliveira

O motociclista Osmar Constantino da Silva, 35 anos, foi socorrido após ter o pescoço cortado por linha de pipa com cerol, no final da tarde de ontem (17), na Avenida José Barbosa Rodrigues, região do Residencial Búzios, em Campo Grande.

Conforme o Corpo de Bombeiros, o rapaz seguia na via quando teve o pescoço atingido pela linha de cerol. Imediatamente, o motociclista freou a moto, segurou a linha com a mão e desceu.

Mesmo assim a vítima teve um corte grande no pescoço e perdeu muito sangue. O homem foi socorrido pelo Corpo de Bombeiros à UPA (Unidade de Pronto Atendimento) Santa Mônica e não corre risco de morte.

No Estado, o uso de cerol é proibido por lei desde 2007. A pena para o crime é multa que varia de três a 20 salários mínimos, além da apreensão do material. Se os envolvidos forem adolescentes, os pais são responsabilizados.



Existe uma lei municipal já a bastante tempo que proíbe o uso do cerol, porém, cabe as autoridades fiscalizarem e punirem os pais ou responsáveis pelos menores que fizerem uso do cerol em linhas de pipa.
Lembrando ainda que, muitos que usam o cerol não são menores de idade e ainda encontramos menores acompanhados por pai ou irmão, que são maiores de idade, basta fiscalizar e punir. A lei existe, e cabe dizer que qualquer cidadão pode denunciar e ajudar as autoridades a tirar das ruas essas pessoas que colocam em risco a vida de motociclistas trabalhadores.
 
Guto em 18/01/2017 08:03:57
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions