A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 22 de Setembro de 2018

23/01/2017 10:27

Pai e filho vitimas de acidente que matou jovem continuam internados

Viviane Oliveira
Pedro Bones morreu no local do acidente (Foto: reprodução/Facebook) Pedro Bones morreu no local do acidente (Foto: reprodução/Facebook)
Veículo de passeio ficou com a frente totalmente destruída (Foto: Direto das Ruas) Veículo de passeio ficou com a frente totalmente destruída (Foto: Direto das Ruas)

Continuam internados na Santa Casa, Salviano Augusto Mimoso de Oliveira, 24 anos, e o filho dele, de 3 anos. Os dois estavam no veículo Parati que bateu de frente com um caminhão baú, na tarde de domingo (22), no quilômetro 458 da BR-163, na saída para São Paulo, cerca de 15 quilômetros de Campo Grande, em frente à Cidade das Abelhas. O tatuador Pedro Bones de Paula, 19 anos, que também era passageiro do veículo de passeio, morreu no local.

Conforme a Santa Casa, Salviano sofreu múltiplas fraturas e aguarda cirurgia. Apesar de ser um paciente politraumatizado, a vítima está consciente e orientada. Já a criança segue internada para ser acompanhada pela equipe da torácica. O menino também está consciente e não corre risco de morte.

Acidente - Conforme boletim de ocorrência, Salviano seguia em um veículo Parati, de placas de Presidente Epitácio (SP), e tinha como passageiros Pedro Bones e a criança, quando o autómovel foi atingido pelo caminhão Mercedes Bens, de placas de Sorriso (MT), conduzido por Deolindo Fernandes de Oliveira, 58 anos. Além dele, estavam no caminhão Aline Cano dos Santos, 26 anos, e Ronival da Silva Sales, 31 anos.

Ainda conforme registro policial, Deolindo dirigia atrás de um caminhão caçamba, que por algum motivo diminuiu a velocidade, e para não bater na traseira dele, manobrou a Mercedes no sentido contrário da pista e acabou colidindo de frente com a Parati.

Pedro viajava no banco do carona e com o impacto da batida morreu no local. Os socorristas ainda tentaram reanimá-lo, mas sem sucesso. Já Salviano e o filho, sentado na parte de trás do automóvel sem a cadeirinha, equipamento recomendado para a idade, foram socorridos em estado grave. 

Aline e Ronival sofreram ferimentos leves. O estado de saúde do casal não foi divulgado. Já Deolindo não ficou ferido. Na rodovia, há sistema de monitoramento e as imagens podem ajudar a polícia durante a investigação sobre o acidente de trânsito.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions