A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 03 de Dezembro de 2016

29/08/2014 09:24

Campo Grande, uma jovem cidade

Por Semy Ferraz (*)

Nesta terça-feira, 26 de agosto, Campo Grande, a jovem capital de Mato Grosso do Sul, fez 115 anos, e a população tem motivos de sobra para comemorar. Além da maturidade política demonstrada na superação do imbróglio político-administrativo em que se encontrara em poucos meses, hoje a administração do Prefeito Gilmar Olarte recuperou o tempo perdido e em período recorde retomou a agenda de obras para o cidadão, foco central e razão de ser de toda gestão democrática.

Veja Mais
A Odisseia da Chape
Comunicação da qualidade dos alimentos

A articulação política foi fundamental para alavancar as transformações inadiáveis clamadas pela população. Até os adversários reconhecem a desenvoltura da administração democrática na solução de problemas históricos de nossa Cidade Morena. Os moradores dos bairros, como nunca, tiveram a prioridade na execução de obras públicas necessárias e quase sempre proteladas: obras de infraestrutura resultantes da parceria com o Governo Federal que melhoram a qualidade de vida de amplas camadas da população laboriosa e vibrante que tem na esperança a sua fonte de ânimo e de entusiasmo.

Obviamente, todos os setores da sociedade campo-grandense têm sido contemplados, sem exclusão, com obras efetivas, em que os critérios técnicos são o carro-chefe na tomada das decisões políticas. As frentes de obras executadas em tempo recorde dão a exata dimensão do empenho no empoderamento da cidadania, como objetivo das ações administrativas da maior cidade do estado, que volta a servir de modelo de administração para o estado.

Como gestor das políticas de infraestrutura do município, me sinto à vontade para dizer que o Prefeito Gilmar Olarte tem sido insuperável em sua liderança, pois sua capacidade de articulação, de longe, supera todos os seus antecessores. A bem da verdade, o Prefeito sabe trabalhar em equipe, valoriza seus assessores, respeita seus aliados e sobretudo administra para a população – fato inédito nos últimos anos em nosso município, em que a lógica perversa do “aos amigos tudo, aos inimigos a lei” vigorava, como se ainda vivêssemos os tempos nada saudosos do arbítrio e do clientelismo de outrora.

Nesse contexto, a população tem à sua disposição: a) a revitalização da Avenida Guaicurus, com recapeamento dos seus 10,2km, drenagem das águas pluviais, sinalização e iluminação pública; b) mais cinco CEINFs (Centro de Educação Infantil), construídos com a ajuda do Governo Federal (os quais já estão atendendo 600 crianças); c) mais duas UBSFs (Unidades Básicas de Saúde da Família); d) asfaltamento e drenagem do Bairro Panorama, com a eliminação das inundações da Rua Minerva, no Bairro Maria Aparecida Pedrossian, e e) lançamento, com assinatura de ordem de serviço de início da obra, do PAC 2 (Programa de Aceleração do Crescimento) Qualificação de Vias Urbanas em 23 bairros da cidade, com rede de esgoto, drenagem, asfalto e calçada.

Essas, entre muitas outras, que as destacamos pela relevância para a melhoria efetiva da qualidade de vida do morador de Campo Grande, que por décadas via a sua cidade crescer, mas sem benefício direto no seu dia-a-dia de sua comunidade. Com obras de interesse de toda a população, a administração democrática do Prefeito Gilmar Olarte vem coroar o novo tempo que a população sufragou com esperança e coragem uma nova página na história da Cidade Morena, uma cidade jovem, tenaz e trabalhadora que olha sempre pra frente.

Parabéns, Campo Grande!

(*) Semy Alves Ferraz é engenheiro civil e secretário de Infraestrutura, Transportes e Habitação de Campo Grande.

 

 

A Odisseia da Chape
Não tenho dúvidas de que o esporte funciona como uma metáfora da vida. As mazelas e dramas humanos estão presentes em todas as etapas da trajetória d...
Comunicação da qualidade dos alimentos
É importante que as notícias do agro cheguem de maneira correta aos moradores dos grandes centros urbanos. A maioria destes consumidores de alimentos...
Ponte com o futuro
O agronegócio brasileiro é carta importante no jogo geopolítico mundial. De acordo com a FAO (Organização das Nações Unidas para a Alimentação e Agri...
Tendências e atitudes
Professores e economistas como Simão Davi Silber, Ricardo Amorim, Zeina Latif, entre outros sinalizam melhoras na economia para os próximos anos. Enq...



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions