A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 05 de Dezembro de 2016

31/08/2013 12:49

Lipoaspiração sem agulhas

Por Daniela Landim (*)

A tecnologia ajuda muito a medicina estética. A nova máquina que veio para revolucionar as perdas de medidas corporais é a Ilipo ou a Lipolaser. Esse equipamento é o mais recente de lipólise a laser, oferece um meio de reduzir o contorno corporal sem dor, não invasivo e sem tempo de recuperação.

Veja Mais
Tédio é a falta de projeto
Dólar alto: bom ou ruim para o agronegócio?

É preciso entender que não é milagre, mas tecnologia avançada que deve ser conhecida. O laser emite baixos níveis de energia que criam um sinal químicono adipócito, quebram os triglicérides que ficam armazenados nos ácidos graxos e glicerol; estes são liberados por canais da membrana celular. Daí são transportados para o corpo, através dos tecidos que serão utilizados no metabolismo na produção de energia. O processo de liberação de ácidos graxos é uma resposta do corpo quando necessita armazenar energia.

Os resultados obtidos, em alguns casos, são compatíveis ao da lipossucção. Imagens ao ultrassom mostraram a melhora de até 30% na redução do tecido adiposo numa única sessão. Importante é salientar que, exercícios leves e aeróbicos são recomendados até 12horas após o tratamento para acelerar o metabolismo e aumentar a eficácia do tratamento.
O efeito bioestimulador é indolor, não danifica vasos, nervos e órgãos vitais.

O tratamento pode ser feito em qualquer tipo de pele e qualquer área corporal onde há gorduras indesejadas. Os resultados são percebidos ao final de cada sessão e a perda média é de 2 a 4 cm em circunferência abdominal.

O tratamento completo consiste de duas sessões semanais, por quatro semanas. Caso sejam necessárias mais sessões, em uma mesma área, é importante uma pausa de 15 dias, no mínimo.

(*) Daniela Landim é dermatologista com Pós-Graduação em Medicina Estética

Tédio é a falta de projeto
Recentemente, deparei-me com duas situações. Na primeira, eu almoçava com dois amigos, ambos na faixa dos 55 anos de idade, funcionários públicos bem...
Dólar alto: bom ou ruim para o agronegócio?
Claro, depende da hora e do mercado, exportação ou de mercado interno. Agora, falando da soja, o principal produto da pauta brasileira de exportações...
Marcas lutam diariamente para impactar as pessoas
Segundo pesquisas, temos contato com aproximadamente 2.000 marcas em um dia “comum” e menos de 300 delas ficam em nossa memória. Por isso, essas marc...
A modernização das leis do trabalho: oportunidade, não oportunismo
Crises econômicas em qualquer país do mundo ensejam debates sobre reformas. São nos cenários de recessão prolongada que as nações se defrontam com se...



gostaria de saber onde encontrar esse tratamento e valores
 
Ane Kelly Dantas Pereira de Lima em 31/08/2013 14:01:37
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions