A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 21 de Agosto de 2014

14/08/2013 09:10

O mercado de trabalho não é a mamãe

Por Christian Barbosa (*)

Os negócios mudam, empresas crescem, outras surgem e algumas são engolidas pela concorrência do mercado. Porém, você já se questionou o que realmente tem atrapalhado o seu campo de negócios? Muitas vezes precisamos pensar em como estamos e devemos atuar, manter o foco em nossas atitudes como colaboradores, líderes e empresários para conseguir transformar o nosso mundo e alavancar nossa carreira e empresa.

Veja Mais
Intercâmbio para casais: será que vale a pena?
Combate à violência. Um dever de todos!

Uma história que pode ser usada como inspiração é a de Andrew Carnegie, que começou como mensageiro de uma empresa de telégrafos e se tornou o maior empresário do aço dos EUA. No início, seu foco era totalmente voltado ao aço para as ferrovias, um grande negócio para a época. Porém, o que ele não esperava era uma mudança no mercado, que fez seu negócio começar a enfraquecer bruscamente.

Diante da crise, qual seria a situação mais provável: ver Carnegie sentar, olhar pela janela e escrever uma carta para as ferrovias, o Presidente e a imprensa, dizendo que outros grupos estavam vendendo ferro também? Não. Ele parou e procurou novos mercados, dedicou tempo para aprimorar a produção e começou a apostar em um novo modelo: aço para construção civil, que ainda nem existia na época. Esse negócio foi ainda maior do que o anterior.

Portanto, para ter o mercado sob controle, é necessário entender algumas coisas:

O mercado não é sua mãe, não é seu amigo ou seu cachorro que sempre vai abanar o rabinho para você. O mercado é uma força de oportunidades para todos. Alguns agarram, outros simplesmente deixam a coisa passar. Não se pergunte o motivo de seu concorrente “roubar” seu cliente, pergunte o que você deixou de fazer para perdê-lo.

Tempo é a chave nessa questão. As pessoas dentro da empresa estão tão cheias de coisas urgentes para fazer, coisas operacionais, coisas sem importância ou que não ajudam a empresa a evoluir, que não conseguem enxergar que as oportunidades do mercado estão sendo pescadas por pescadores mais preparados, mais equipados e, certamente, com mais recursos de tempo.

Chorar ou inovar é uma escolha sua. Seu emprego está chato, não te motiva e você sabe que pode fazer mais? Por que não conversar com seu líder e achar formas de melhorar? Que tal dar uma nova chance e achar um sentido no dia a dia? Por que não procurar outras oportunidades? Por que não desenvolver sua carreira e procurar novos ares? São tantas opções que podemos escolher para fazer diferente.

Hoje é o dia perfeito. Hoje é o dia em que você levanta a cabeça, olha o horizonte, analisa sua posição atual, procura alternativas e toma a atitude de ser melhor. Hoje é o dia que você deixa de lamentar e aceita sua responsabilidade nos resultados.

(*) Christian Barbosa - Maior especialista no Brasil em administração de tempo e produtividade, é CEO da Triad PS, empresa multinacional especializada em programas e consultoria na área de produtividade, colaboração e administração do tempo. Ministra treinamentos e palestras para as maiores empresas do país e da Fortune 100. Autor dos livros A Tríade do Tempo; Você, Dona do Seu Tempo; e Estou em Reunião; e co-autor do Mais Tempo, Mais Dinheiro. Sua mais nova obra: Equilíbrio e resultado – Por que as pessoas não fazem o que deveriam fazer?
www.triadps.com.br e www.maistempo.com.br

Veja Também
Intercâmbio para casais: será que vale a pena?
O intercâmbio cultural vem sendo cada vez mais procurado por brasileiros de diferentes faixas etárias. São muitas as razões que levam os alunos a cor...
Combate à violência. Um dever de todos!
Um assunto que vem aterrorizando os brasileiros e que aqui em nossa Capital não é diferente: a violência. Por ser um Estado de fronteira, nossos cida...
A naturalidade e as guerras
Face às disputas econômicas e de poder que ocorreram no sangrento século 20, sofremos duas guerras mundiais. E hoje, qual é o cenário? As guerras con...
Governo Dilma fechou 13 mil leitos hospitalares. Isso é normal?
Um dos enormes problemas do governo Dilma está na saúde pública insipiente, perdulária e mal distribuída. Neste artigo escrevo sobre a gravidade que ...


imagem transparente

Desenvolvido por Idalus Internet Solutions