A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 10 de Dezembro de 2016

20/10/2016 11:22

Homem é autuado por manter cinco cachorros em condições precárias

Viviane Oliveira
Cachorros viviam em meio a montanha de fezes. (Foto: divulgação/Polícia Civil) Cachorros viviam em meio a montanha de fezes. (Foto: divulgação/Polícia Civil)
Os cachorros viviam sem alimentação, água e abrigo. (Foto: divulgação/Polícia Civil) Os cachorros viviam sem alimentação, água e abrigo. (Foto: divulgação/Polícia Civil)

Paulo Roberto Souza Alves Mello, 58 anos, foi autuado em flagrante por crime ambiental, na terça-feira (18), por manter em casa, no Bairro Carandá Bosque I, cinco cachorros em condições precárias.

Veja Mais
Servidora do Gaeco desaparece após receber ligação em Campo Grande
No 3º assalto em 2 anos, bandidos trocam tiros com PM em farmácia

Conforme a Polícia Civil, Paulo criava os cães sem raça definida que viviam sem alimentação, água, abrigo e conviviam com os próprios dejetos por todo o espaço, em condições insalubres. Os investigadores chegaram até o local após denúncia anônima.

Além do mato alto, o imóvel era lotado de pulgas e carrapatos que se alojavam na extensão dos muros, causando assim a proliferação de animais peçonhentos e doenças.

Paulo foi levado à Decat (Delegacia Especializada de Repressão aos Crimes Ambientais e Atendimento ao Turista) e autuado por maus-tratos a animais domésticos e causar poluição que possa resultar em danos à saúde humana. Os cachorros foram resgatados pelo CCZ (Centro de Controle de Zoonoses) 




imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions