A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 22 de Fevereiro de 2017

08/11/2016 15:21

Prefeitura rebate secretário sobre repasses feitos à Santa Casa

Christiane Reis e Yarima Mecchi

A Prefeitura de Campo Grande rebateu informações prestadas nesta terça-feira (8) pelo secretário de Estado de Saúde, Nelson Tavares, sobre os repasses feitos à Santa Casa da Capital, maior hospital de Mato Grosso do Sul.

Por meio de nota, a prefeitura informa que "repassa mensalmente mais de R$ 20 milhões para o hospital, sendo que desta verba R$ 3,250 milhões são oriundos diretamente do Tesouro Municipal, ou seja, são recursos que o município arrecada do contribuinte". Na nota, a Prefeitura também ressalta que “o Sr. Nelson Tavares não responde pela saúde municipal”.

Pela manhã, Nelson Tavares informou que o Governo do Estado faz depósitos e que usa recursos próprios para ajudar a financiar o hospital. Ele alegou que apenas o Estado e a União fazem este tipo de investimento, o que deveria ser tripartite e ter a contribuição da Prefeitura de Campo Grade, mas que o Executivo Municipal não usa recursos próprios.

Contexto – O repasse de R$ 3,25 milhões, feito pelo município, estava atrasado e foi depositado na conta do hospital na segunda-feira (7). Por conta do atraso, o hospital restringiu o atendimento no dia 27 de outubro, suspendendo as cirurgias eletivas. A cada dia, uma média de 50 procedimentos eram realizados no hospital.

Após reunião no Ministério Público, na sexta-feira (4), o município se comprometeu em fazer o depósito, como ocorreu na segunda-feira. Sobre as cirurgias eletivas, o hospital informou que as estão sendo retomadas gradativamente.




É verdade, a Prefeitura pagou sim. Só que a Santa Casa não repassou até agora aos médicos..Então,"continua tudo como dantes no quartel de Abrantes", até pagarem..!
 
Barbarossa em 08/11/2016 17:38:52
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions