A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 17 de Janeiro de 2017

24/05/2013 06:57

Adolescente acaba morto ao assaltar PM em São Gabriel do Oeste

Francisco Júnior

O adolescente Luiz Henrique da Silva Santos, de 17 anos, foi morto a tiros na tarde de ontem (23), em São Gabriel do Oeste, ao tentar assaltar um polícia militar da reserva de 48 anos.

Veja Mais
Um dos três detentos que fugiram sábado de presídio é recapturado
Casal encontrado morto é identificado; crime pode ter relação com o tráfico

De acordo com o site Edição MS, o adolescente e um comparsa teriam abordado o policial, que não teve a identidade revelada, na rua Saracura, no Jardim Gramado. Um dos assaltantes levou a mão na cintura insinuando que iria sacar uma arma.

O policial arremessou seu celular contra a dupla, na tentativa de se defender, mas o bandido pegou a arma e ameaçou atirar.

Neste momento, o policial também sacou sua arma e deu voz de prisão para a dupla, que não atendeu e continuou ameaçando. O PM acabou atirando nos dois assaltante.

O adolescente foi atingido e caiu no chão. O comparsa conseguiu fugir do local.

A dupla fazia uso de uma garrucha de calibre 32, com numeração raspada, que foi apreendida.

Após o ocorrido, o policial militar se apresentou na delegacia. Ele mora em Campo Grande e estava a passeio em São Gabriel do Oeste.

Conforme o site, apesar da pouca idade, o adolescente tinha várias passagens na Polícia. O último crime cometido por Santos foi um assalto a mão armada, em Rio Verde de MT, no último dia 18.

Na companhia de Marcos Aurélio Duarte, de 41 anos, o adolescente rendeu o produtor rural Marcelo Lubas Catelan, de 31 anos, na porta de sua residência, no bairro Nova Rio Verde.

Dentro da casa de Catelan, a dupla aterrorizou a família, além das agressões contra o produtor rural, sua esposa e seus filhos, uma menina de 6 anos e um menino de 7 meses, os ladrões levaram joias e celulares.

Porém, o GPS do celular roubado ajudou a polícia encontrar a dupla, que estava próxima a casa da vítima, numa residência conhecida como boca de fumo do “Elinho”.

Esse é o adolescente morto por policiais no Estado em menos de uma semana. Na madrugada do último dia 22, Alex Sandro Silva Molina, de 17 anos, foi morto a tiros por um policial, em Ponta Porã.

O adolescente foi morto pelo policial ao tentar fugir de uma abordagem, na rua Pedro Ângelo da Rosa, na fronteira com o Paraguai.

Um dos três detentos que fugiram sábado de presídio é recapturado
Foi recapturado nesta tarde de segunda-feira (16) Willian Ferraz da Silva, de 19 anos, um dos três detentos que fugiram no sábado (14) da Penitenciár...
Com debates e 120 expositores Showtec começa nesta quarta-feira
Começa na próxima quarta-feira (18) a Showtec 2017, que contará com programação recheada de novidades tecnológicas para o setor rural e também debate...
Mulher é assaltada em saída de banco e tem malote com R$ 67 mil levado
Uma mulher de 41 anos teve R$ 67 mil roubados em um assalto realizado na tarde desta segunda-feira (16) no Centro de Dourados - cidade localizada a 2...



concordo com todos mas alguei pensou nas maes deles nao pode te acbado com sofrimento de alguns e criado uma dor eterna em outra pessoa ja perdi alguem muito amada para mim porisso nao importa se e ou nao bandido o sofrimento do mesmo jeito ensino meus filho no caminho certo a escolha e deles
 
ricardo saar em 27/05/2013 22:44:06
Parabens ao policial, menos um vagabundo
 
Alessandro Martines em 25/05/2013 07:09:57
Parabéns colega. muito boa tua ação.
 
Fernando Silva em 25/05/2013 02:19:24
maravilha.....
 
DENNER JOELSOM PEREIRA em 24/05/2013 15:46:08
O povo que se diz de ensino superior e chama criminoso de adolescente isso é ignorância! Criminoso é criminoso!E esse ECA que proibi o jovem de trabalhar, mas o libera para cometer crimes deve ser estirpado e exonerado todos os seus funcionários por promover a criminalidade de jovens. ECA=Escola do Crime de Adolescentes, ela ignora as crianças que passam fome, são abandonas e abusadas, mas defede os pequenos criminosos! Esse rapaz não era adelescente e sim um jovem criminoso, isso serve para os jornalistas saberem discriminar os "adolescente"(pessoa que busca o bem) de "jovem criminoso"(pratica crimes).
 
Alexandre de Souza em 24/05/2013 11:30:13
Bandido bom é bandido morto.
 
Marco Mariank em 24/05/2013 10:36:48
Um alivio para as famílias de bem. Todo elemento que não quer trabalhar e quer fazer o mal, tem de ser extinto da sociedade. Muitos tipos de crimes já era para ter prisão perpétua; com trabalho forçado para pagar as despesas do Estado.
 
luiz alves em 24/05/2013 07:32:12
Jumbo neles ! bandido bom, é bandido morto !
 
cesar souza em 24/05/2013 07:31:44
isso que é noticia boa pra começar o dia, QUE MARAVILHA!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!
 
idevaldo de jesus em 24/05/2013 07:20:47
excente trabalho sr. pm, um verme a menos para a sociedade sustentar.
 
maria do prado rezende em 24/05/2013 07:20:37
matéria mal escrita, sem conclusão clara...porem cumpre o objetivo, que é mostrar para todos o quanto os "adolescentes" nao tem nada de inocentes!!! todos deveriam agir assim, já que não há leis..........vamos promover o encontro deles mais rapidamente...mandando todos para onde realmente devem ir...antes eles do que a população honesta!!!PARABÉNS PMs!!!
 
michelli gomes em 24/05/2013 07:14:18
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions