A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 09 de Dezembro de 2016

02/03/2012 08:05

Após abusos, Força Nacional terá critérios para revistar passageiros

Aline dos Santos

Sem qualquer suspeita, todos os passageiros eram revistados, inclusive idosos e crianças

Força Nacional vai adotar critérios em abordagens. (Foto: Capital do Pantanal)Força Nacional vai adotar critérios em abordagens. (Foto: Capital do Pantanal)

Após denúncia de abusos, a Força Nacional vai adotar critérios para realização de revista pessoal em passageiros de ônibus intermunicipais oriundos de Corumbá, na fronteira com a Bolívia. Agora, as revistas só serão realizadas quando houver fundada suspeita ou risco à segurança dos passageiros.

O Departamento da Força Nacional de Segurança Pública acatou recomendação do MPF (Ministério Público Federal), que constatou abuso nas abordagens policiais. Sem qualquer suspeita, todos os passageiros eram revistados, inclusive idosos e crianças. Eles são posicionados de frente a parede, de pernas abertas, e revistados um a um.

Num dos casos, uma adolescente de 16 anos foi obrigada a se despir e ficar “de cócoras” diante de uma policial feminina, no entanto, a suspeita de tráfico de drogas não foi confirmada.

Para a Força Nacional, tratava-se de um procedimento padrão, pois a região é rota do tráfico internacional de drogas. Com o pedido acatado, o MPF vai promover o arquivamento do Inquérito Civil Público instaurado na Procuradoria da República em Corumbá.

Em dezembro de 2011, a AGU (Advocacia Geral da União) emitiu parecer favorável à recomendação do Ministério Público. O documento, elaborado a pedido da Secretaria Nacional de Segurança Pública, enfatiza que a revista pessoal sem mandado judicial só pode ser realizada sob fundada suspeita de que a pessoa porte arma ou objetos que constituam prova de crime.




Jorge Ferreira há muito tempo a policia já está engessada,as leis ´so servem para os politicos e bandidos. Ezio Jose com certeza você não mora em Corumbá e não lê as noticias das prisões de drogas e trafícantes nas fronteiras! Pois quem apoia o trafíco é essa força nacional,que só sabem humilhar pessoas de bem e não prenderam nada desde que chegaram no estado,não culpe a sociedade por isso,ok???
 
ARIVALDO PAIVA em 02/03/2012 12:37:01
É brincadeira, agora bandido vem com as incriçoes estampada na teste "sou bandido", Com esse procedimento quem ganha é o crime e nao o cidadao de bem, parabens MPF.
 
Andre N. Martins em 02/03/2012 11:33:00
que sirva de estímulo o trabalho da MPF ao MPE, educando os servidores na area de segurança visando a prevençao da dignidade do cidadao de bem!
agora pra bandido esse tratamento é pouco! na minha opiniao.
 
janilson cavalcante em 02/03/2012 11:17:17
Está cada vez mais difícil as autoridades policiais trabalharem contra o crime em virtude de uma sociedade que apóia o tráfico e outros tantos crimes. Bola de cristal é coisa do passado bruxeco. - Quem não deve não teme. Quando alguém se incomoda ferrenhamente com o trabalho policial pode ter certeza que de alguma forma ela esta comprometida com crimes ou dissimulando o caminho do comparsa.
 
Ezio Jose em 02/03/2012 11:16:19
A JUSTIÇA SEMPRE QUE TEM OPORTUNIDADE DE INGESSAR AS MÃOS DA POLÍCIA NÃO PERDEM OPORTUNIDADE. SILENCIOSAMENTE ESTÃO ENTREGANDO O PAIS NAS MÃOS DO CRIME ORGANIZADO BASEADO EM DENÚNCIAS DE PESSOAS QUE NÃO TEM RESPONÇABILIDADE COM A SEGURANÇA PÚBLICA. O PAIS A MUITO TEMPO JÁ ESTA NAS MÃOS DOS BANDIDOS, SÓ FALTA UMA LEI OFICIALIZANDO, COISA QUE EU NÃO DUVIDO, TOMARA QUE EU ESTEJA ERRADO.
 
jorge ferreira em 02/03/2012 10:50:30
Parabéns MINISTERIO PUBLICO FEDERAL. Continuem defendendo a DEMOCRACIA.
 
aldair jacob lichs em 02/03/2012 08:26:22
Essa e a realidade, cada vez mais a justica e os órgãos de segurança publica adotam medidas que beneficiam os maus cidadãos (bandidos), "não podemos mais chamar bandido de bandido". Essa é so mais uma das medidas adotadas, sei que para o cidadão de bem é muito constrangedor passar por uma busca pessoal, porém isso se faz necessário. Pois não esta escrito na testa quem e bandido quem não é.
 
gilson dias em 02/03/2012 08:23:14
Li os comentários acima e todos tem pontos favoráveis quais sejam: não se pode tratar todos iguais(principio de Aristóteles), bandido não tem marcação igual a gado, os tres maiores produtores mundiais de pasta de coca são nosso vizinhos(Peru, Bolivia,Colombia) logo não ha que se falar em abuso em revistas e caso ocorram devem ser tomadas medidas judiciais individuais e não coletivas como quer o MP
 
Jardel Pereira Mendes em 02/03/2012 06:20:26
O uso de adolescentes como 'mulas' do tráfico é bastante difundido. Outra coisa: já vi um casal de insuspeitos sexagenários ser preso com quase 3 Kg de cocaína pura. Por que sempre se faz de tudo, no Brasil, para impedir o trabalho policial? Alguém sabe? Por quê, hein?!
 
Adriano Roberto dos Santos em 02/03/2012 04:32:39
INTERESSANTE É QUE A PRF HA MAIS DE DECADAS FAZ GRANDES E DIVERSAS APREENSSOES DE DROGAS, ARMAS, CONTRABANDOS, CARROS ROUBADOS E PRISOES E NUNCA PRECISOU TRATAR AS PESSOAS DE BEM COM TRUCULENCIA E NEM REVISTAR INDISCRIMINADAMENTE. ENQUANTO ESSA FORCA NACIONAL FAZ TANTO PISEIRO E OS RESULTADOS NUNCA APARECEM. ANALISEM AS NOTICIAS E CONCLUAM QUEM TEM MAIS PROFISSIONALISMO.
 
rafael amaral em 02/03/2012 01:42:47
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions