A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 19 de Janeiro de 2017

18/08/2013 10:48

Após ser agredido, idoso mata a golpe de faca jovem de 19 anos

Viviane Oliveira
Após o crime, amigos da vítima colocaram fogo na casa do idoso. (Foto: Nova Notícias)Após o crime, amigos da vítima colocaram fogo na casa do idoso. (Foto: Nova Notícias)

Ao ser agredido por um grupo de jovens, Jeremias Cabral, 68 anos, matou com um golpe de faca, Sandro Vegilato, 19 anos, na rua E na Vila Olímpio, em Batayporã, distante 311 quilômetros de Campo Grande.

Veja Mais
Condutor perde o controle da direção e capota carro ao desviar de animal
Temer tira poder da Funai em demarcações e Famasul elogia medida

De acordo com boletim de ocorrência, Jeremias estava em casa quando foi surpreendido por um grupo de jovens, que invadiu a casa dele e começou o agredir a socos e pontapés. Ele então para se defender, pegou uma faca e atingiu a vítima na região do pescoço.

Depois do crime, o grupo se afastou e Jeremias conseguiu correr para a casa de um amigo, que acionou a Polícia. O jovem chegou a ser levado por terceiros para o hospital, mas não resistiu ao ferimento e morreu.

Jeremias foi levado para a Delegacia de Polícia Civil com ferimentos na cabeça e no joelho. Quando a Polícia registrava a ocorrência foi informada que os amigos da vítima havia ateado fogo na casa do idoso. 

O caso, que será investigado pela delegacia do município, foi registrado como homicídio doloso, quando há intenção de matar. A faca utilizada no crime foi apreendida e Jeremias permanece preso. 




Parabéns ao SR. Jeremias tirou mais um bandido do meio da sociedade.
Este Sr.não deveria nem de ter sido preso porque fez um bem muito grande a população
todos nós deveríamos fazer isto tirar os bandidos da população e mandar todos ir morar com o Diabo la no inferno la que é o lugar de marginal bandidos.
 
Maria Conceição de Jesus em 05/09/2013 19:57:15
Olha a que ponto chegamos..... todos a favor do senhor idoso. inclusive EU, a Justiça tem que rever os critérios nestas situações, pois estamos cansados de sermos DESACATADOS, DESRESPEITADOS, AGREDIDOS, VIOLENTADOS por estes vândalos jovens.... nos fazendo sentir humilhados, indefesos, órfãos e impotentes quando somos ameaçados por estes. Que todos os que fizeram isso PAGUEM, o senhor tem o apoio da sociedade e espero que a comunidade ajude a reconstruir sua casa.
 
luzimar gonçalez vargas em 18/08/2013 18:47:19
O que mais me admira é a posição do delegado em deixar esse cidadão preso, só porque está no flagrante. Aí eu pergunto: EXISTE FLAGRANTE PARA LEGÍTIMA DEFESA????? E ainda foi registrado como HOMICÍDIO DOLOSO e aqueles que agrediram e colocaram fogo na casa do idoso vão registrar como??? Preservação de Direito, porque eles tem o direito de maltratar um idoso, e agora?? Quem é que vai restituir tudo que o fogo consumiu, a prefeitura, os pais desses, o Estado por não ter dado segurança ao idoso. E quando esse idoso sair quem vai lhe dar a devida segurança contra os "amiguinhos" do que morreu, o delegado que o prendeu, duvido. Força Sr. Jeremias, apesar de estar preso estamos acompanhando seu caso e que apareça um advogado e faça de graça essa defesa ridícula que o delegado armou.
 
Douglas Ruiz em 18/08/2013 14:39:56
fez certinho ,td mundo tem que começar a se defender pq nossa lei é um descaso conosco e não foi homicidio culposo e sim legitima defesa .
e se fosse na casa de um policial ele ia morrer espancado ou matar pra sobreviver ?
haaaaaaaaaa faça me o favor, fez certinho.
 
elizabeth schneider em 18/08/2013 14:06:19
Essa ocorrência não deveria ser classificada como homicídio nem culposo sequer doloso e sim com legítima defesa. Mas um advogado fará cair por terra essa pretensão do inquérito.
 
DR FABIO VERSOLATO em 18/08/2013 12:42:14
Meus parabéns para o Sr Jeremias por ter livrado a sociedade de mais um bandido que espanca idoso,não deveria nem ser preso veja a diferença de idade esperamos que a justiça seja feita e ele seja solto.
 
EUDE ROSA em 18/08/2013 12:37:29
Faço minhas as palavras do sr Charles Luciano, esse Sr Jeremias livrou a sociedade de mais um, que nem chegou a dar trabalho até aos policiais, pelo que entendo de lei, o sr Jeremias deveria ser enquadrado em crime CULPOSO, e não doloso como foi dito na reportagem!!!
 
Mauro José em 18/08/2013 11:55:20
Homicídio doloso? Que dolo há em matar um marginal para não morrer?
Meus parabéns Sr Jeremias Cabral, fez o correto, fico feliz em ver que ainda existe gente ligeira como o Sr. Esse ai agora não vai causar mais transtorno nenhum.
 
Charles Luciano em 18/08/2013 10:53:55
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions