A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 21 de Fevereiro de 2017

03/08/2015 20:08

Brasil apura acusação do Paraguai sobre invasão de território

Agência Brasil
Governo paraguaio pede explicações sobre a ação brasileira. (Foto: Cesar Galeano)Governo paraguaio pede explicações sobre a ação brasileira. (Foto: Cesar Galeano)

O Ministério das Relações Exteriores informou que o Brasil está apurando a acusação do Paraguai de que Exército brasileiro invadiu o território paraguaio durante operações de combate a delitos na fronteira.

Segundo o ministério, o embaixador brasileiro em Assunção, José Felício, entregou, no final da tarde de hoje (3), ao chanceler do Paraguai, Eladio Loizaga, uma nota ao governo paraguaio. “A nota brasileira informa que o governo do Brasil está apurando os fatos relatados pelo governo paraguaio, dentro do permanente compromisso brasileiro de zelar pela inviolabilidade e segurança da fronteira comum e reafirma o desejo de intensificar a cooperação bilateral no combate ao crime organizado transfronteiriço”, diz o comunicado do Itamaraty.

O embaixador brasileiro em Assunção foi convocado na sexta-feira (31) pelo chanceler paraguaio para receber uma nota diplomática sobre o episódio.

De acordo com a nota da chancelaria paraguaia enviada ao governo do Brasil, uma troca de tiros entre contrabandistas e militares brasileiros e paraguaios, no Rio Paraguai, teria ocorrido na terça (28) e quarta-feira (29), próximo à cidade de Salto del Guaira, localizada perto da fronteira entre os dois países. Segundo o governo do Paraguai, militares brasileiros teriam identificado seis embarcações de contrabandistas com mercadorias que seriam trazidas para o Brasil.

Homem que cumpria pena no semiaberto é executado a tiros; autor fugiu
Foi morto a tiros nesta segunda-feira (20) em Rio Negro - cidade localizada a 144 km de Campo Grande - Norimar Gastão Dutra Junior, de 28 anos. O cri...
Apresentações do projeto 'Um poeta na cidade' acontecem na quinta-feira
Caarapó - cidade localizada a 283 km de Campo Grande - recebe na próxima quinta-feira (23) o projeto "Um poeta na cidade", de Emanuel Marinho. O proj...



O paraguai tem é que agradecer o Brasil por prender os traficantes, só que vale lembrar que o presidente do paraguai foi considerado o maior produtor de cigarros falsificados do mundo e o Brasil é o seu maior mercado, então quando tem uma operação do exercito na fronteira as vendas de cigarros falsificados despenca.
 
wild em 03/08/2015 23:31:13
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions