A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 04 de Dezembro de 2016

07/05/2015 06:45

Casal é preso em hotel com 64 quilos de cocaína, granadas e munições

Viviane Oliveira
No Carro estavam escondidos 64 quilos de cocaína, granadas e munições. (Foto: divulgação) No Carro estavam escondidos 64 quilos de cocaína, granadas e munições. (Foto: divulgação)

Um casal foi preso na noite de ontem (6) com 64 quilos de cocaína, duas granadas e 250 munições de calibre 38 em um hotel na Rua Porto Carreiro, no Centro de Corumbá, distante 419 quilômetros de Campo Grande. O flagrante foi feito pelo DOF (Departamento de Operações de Fronteira) depois de uma denúncia anônima de que no hotel havia uma pessoa com droga dentro de um Ford Ka, de cor preta.

Veja Mais
Pecuarista em caminhonete de luxo é preso com 44 kg de cocaína pura
Justiça determina instalação de rede de esgoto em Nova Alvorada do Sul

De acordo com boletim de ocorrência, os policiais foram até o local e conseguiram localizar o veículo no estacionamento do imóvel. A equipe, então, entrou em contato com a recepção do hotel. Foi identificado como donos do veículo o casal Adilson Ribeiro, 34 anos, e Adrielly Alves dos Santos, 18 anos, que estavam hospedados no estabelecimento.

Ainda conforme registro policial, ao ser surpreendido pela polícia, os dois atenderam o chamado, abriram a porta e confirmaram que estavam com um Ford Ka. Na bagagem do casal não foi localizado nada, mas no carro havia 61 tabletes de cocaína, que depois de pesado totalizou 64 quilos. Também foram localizados munições e granadas. 

Em depoimento, Adilson relatou que mora em Campo Grande e foi a Corumbá buscar um carro. Ele alegou que não sabia o que havia dentro do veículo e ganharia pelo transporte R$ 1,5 mil para entregar o carro no Shopping Campo Grande para uma pessoa identificada apenas como Rodrigo.

Adilson relatou ainda que Adrielly é sua namorada e não sabia de nada. Os dois foram presos por tráfico de droga e encaminhados para a Delegacia de Polícia Civil de Corumbá. Contra o rapaz havia um mandado de prisão em aberto desde 2005.




imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions