A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 08 de Dezembro de 2016

21/08/2013 18:51

Cerca de 120 índios rendem quatro seguranças e ocupam fazenda em Corumbá

Viviane Oliveira

Cerca de 120 indígenas de etnia Kadiwéu ocuparam a Fazenda Limoeiro, em Corumbá, na noite de ontem (20) e renderam quatro seguranças. De acordo com o advogado do dono da propriedade, Carlos Fernando de Souza, esta é a segunda vez em menos de dois anos que índios entram na propriedade.

Veja Mais
Dupla é presa e confessa ter matado homem a pedradas e garrafadas
Pajero com 5 passageiros sai da pista, capota e “sobe” em poste de energia

Conforme o advogado, uma comunicação foi encaminhada ao ministro da Justiça, José Eduardo Cardozo, pedindo providências.

Carlos relata que os índios entraram na propriedade montados a cavalo, amarraram quatro seguranças e outros dois conseguiram fugir. Os profissionais que faziam a guarda da propriedade são contratados por uma empresa de Dourados.

Os seguranças faziam ronda na propriedade devido à invasão ocorrida em março de 2011, quando o advogado do produtor rural entrou com pedido de reintegração de posse na 2ª Vara Federal de Campo Grande e teve a solicitação atendida em outubro do ano passado.

Segundo o advogado, já comprovou na Justiça a legalidade da fazenda Limoeiro, propriedade da família Rovilson Alves Corrêa desde a década de 60. Um novo pedido de reintegração de posse era anexado ao processo.

De acordo com levantamento feito pela Famasul (Federação da Agricultura e Pecuária de Mato Grosso do Sul) no Estado já são 67 propriedades ocupadas por indígenas.




ENQUANTO NÃO CAIR O GOVERNO FEDERAL ISSO NÃO VAI PARAR SE PREPARA PARA LUTAR CONTRA A FUNAI NÃO CONTRA OS ÍNDIOS..
 
beto barreirao em 21/08/2013 22:22:54
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions