A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 20 de Fevereiro de 2017

27/08/2015 10:24

Chove em várias regiões do Estado e cidade registra vento de 81km/h

Viviane Oliveira
Em Três Lagoas, o dia amanheceu fechado. (Foto: Ricardo Ojeda)Em Três Lagoas, o dia amanheceu fechado. (Foto: Ricardo Ojeda)

Após mais de 40 dias de calor e seca, chove desde ontem em alguns municípios de Mato Grosso do Sul e teve cidade que registrou vento de até 81 km/h, de acordo com o meteorologista da Uniderp/Anhanguera, Natálio Abraão.

Em Costa Rica, choveu 18,4 milímetros e a velocidade do vento chegou a 81 km/h. Apesar da ventania, até agora o Corpo de Bombeiro não registrou nenhum estrago na cidade. A chuva também deu o ar da graça em Cassilândia com volume de 0,6 milímetros. Em Chapadão do Sul, a precipitação foi de 11 mm, ventos de 49 km/h e ontem a temperatura chegou aos 37ºC, mas a sensação térmica foi de 41ºC. 

No município de Sete Quedas, chove desde ontem e até agora foram registrados 25,4 mm com ventos de 67,32 km/h. Por lá, o tempo está fechado e com nevoeiro. Em Três Lagoas, foram 45 dias de seca e durante a madrugada foi registrado chuva de 1,8 mm  com vento de 50 km/h. Na cidade, o dia amanheceu com nuvens carregadas e previsão é de mais chuva. 

Também ventou forte, mas não choveu ainda nas cidades de Coxim, Maracaju e Itaquiraí. O Inmet já estava prevendo chuva para hoje (27) devido a uma frente fria que cruza o estado de sudoeste para o nordeste. Na manhã de hoje, a chuva elevou a umidade relativa do ar, alívio para quem foi penalizado pelo tempo seco.

Conforme os meteorologistas, ainda deve chover forte com queda de granizo em pontos isolados, principalmente no centro e sul de Mato Grosso do Sul. A temperatura máxima no Estado não deve passar dos 30ºC.

Adolescente morre ao ser esfaqueado por cunhado durante velório
Jonardo Irala, 17, foi morto com uma facada na altura do peito durante discussão com o cunhado, enquanto participavam de um velório que acontecia na ...
Empresa terá de pagar R$ 30 mil à viúva de caminhoneiro morto em acidente
A viúva de um caminhoneiro de Nova Andradina, município a 300 km de Campo Grande, vai receber R$ 30 mil em indenização pela morte do marido, ocorrido...



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions