A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 09 de Dezembro de 2016

25/09/2012 15:03

Chuva afeta 900 famílias em Caarapó e Prefeitura decreta emergência

Viviane Oliveira
Grade da praça da Vila Planalto ficou danificada. (Foto: José Carlos/Caarapó News)Grade da praça da Vila Planalto ficou danificada. (Foto: José Carlos/Caarapó News)

Após a chuva de granizo e vento forte que danificou casas na madrugada desta terça-feira (25) a Prefeitura de Caarapó, município distante 283 quilômetros de Campo Grande, vai decretar situação de emergência.

Veja Mais
Chuva e vento atingem pelo menos 4 municípios e deixam estragos
Desmoronamento afeta único acesso pavimentado a município de MS

De acordo com o prefeito, Mateus Palma de Farias (PR), 900 famílias procuraram a Prefeitura para comunicar os estragos causados pelo temporal. “Foi a chuva mais forte desse ano e afetou muito o município”, afirma.

O prefeito disse que está providenciando a documentação e seguindo orientação de Campo Grande e de Brasília para decretar estado de emergência. Os fortes ventos que começaram por volta de 00:15 e durou pouco mais de 15 minutos, foram suficientes para gerar prejuízos de aproximadamente R$ 500 mil.

No centro da cidade, onde o vento foi mais forte, uma cobertura inteira foi levantada e lançada na rua. Casas pequenas de alvenaria e madeira também sofreram com a ventania, dezenas delas foram destelhadas.

A sala de tecnologia da Escola Estadual Arcênio Rojas, onde ficam 20 computadores, foi destelhada e todos os equipamentos molharam. Galhos de árvores voaram e caíram sobre o telhado danificando boa parte do corredor. A quadra coberta, que recentemente foi construída, teve parte da estrutura danificada com a força do vento.

Pelo menos duas árvores caíram em residências, segundo Corpo de Bombeiros. (Foto: José Carlos/Caarapó News)Pelo menos duas árvores caíram em residências, segundo Corpo de Bombeiros. (Foto: José Carlos/Caarapó News)

Conforme o tenente do Corpo de Bombeiros, Donizete Figueiredo Cavalcante, tem muita casa que ficou completamente destelhada. “Várias árvores caíram na cidade", afirma o tenente.

Segundo o meteorologista da Anhanguera/Uniderp, Natálio Abrahão, não há medição em Caarapó, na cidade mais próxima, Juti, choveu 55 milímetros e os ventos chegaram a 75km/h.

Terça-feira chuvosa - Além de Caarapó, outros três municípios também começaram a terça-feira com chuva. Em Glória de Dourados, a chuva e o vento também foram fortes e várias árvores foram derrubadas. O fornecimento de energia chegou a ser interrompido durante a madrugada.

Em Três Lagoas, o céu ficou escuro na manhã desta terça-feira. A chuva chegou por volta das 9h, e, segundo os bombeiros da cidade, ela veio fraca e sem ventos fortes.

Em Corumbá, a madrugada foi chuvosa com precipitação de 14 milímetros. Na manhã de hoje o céu estava nublado e temperatura era de 24°C e a umidade relativa do ar estava em 89%.




Sou moradora de Caarapó, a situação é mto triste, poder presenciar todo esse sofrimento das pessoas que amamos, veja as fotos das destruições no.www.caaraponews.com.br.. Mto sofrimento, meu Deus, dai forças as essas familias...
 
Cristiane Justa Morilha em 26/09/2012 08:08:47
E o desmatamento ou o progresso.
 
Luciano Rosa em 25/09/2012 06:59:20
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions