A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 23 de Fevereiro de 2017

23/04/2013 15:26

Coamo investe R$ 13 milhões na construção de complexo de armazéns

Edivaldo Bitencourt
Obras ficam prontas a tempo da colheita do milho safrinha (Foto: Divulgação)Obras ficam prontas a tempo da colheita do milho safrinha (Foto: Divulgação)

A Coamo Agroindustrial Cooperativa está investindo R$ 13 milhões na construção de um complexo de armazenagem de soja e milho em Dourados, a 233 quilômetros da Capital. A capacidade será de 42 mil toneladas de grãos (700 mil sacas).
Segundo o gerente de entreposto da cooperativa em Dourados, Fernando Borba, a capacidade projetada para o espaço é de três maior, com 120 mil toneladas (2 milhões de sacas).

Os novos armazéns estão em uma área de 20 hectares. Segundo a secretária municipal de Agricultura, Indústria e Comércio, Neire Colman, os primeiros grãos começam a ser estocados no local a partir de 1º de junho deste ano. A Coamo também quer instalar uma loja de insumos e máquinas em Dourados.

Segundo Neire, serão gerados 160 empregos diretos. No entanto, a primeira fase empregará 40 trabalhadores.
Borba contou que a carência de mão-de-obra da construção civil é grande no município. A maior parte dos operários na obra é proveniente de Campo Mourão, no Paraná.

Neire ainda discute com a Coamo a construção de uma esmagadora de cereais em Dourados. A cooperativa tem duas, uma em Campo Mourão e outra em Paranaguá. Dourados pode ganhar a terceira fábrica. “Em breve dirigentes da cooperativa deverão se reunir com o prefeito Murilo para discutir esses assuntos”, afirma Neire.




imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions